<
>

Já garantida na Copa, Alemanha vê goleiro pegar pênalti e dupla do Chelsea marcar e vence Israel em amistoso

Jogando em casa, a Alemanha levou a melhor contra Israel e venceu por 2 a 0, com gols de Havertz e Timo Werner


Já garantida na Copa do Mundo do Catar, a seleção da Alemanha entrou em campo neste sábado (26), na Rhein-Neckar-Arena, casa do Hoffenheim, e recebeu Israel por um amistoso. E os tetracampeões mundiais levaram a melhor por 2 a 0, com gols anotados ainda no primeiro tempo. No final, Müller ainda perdeu um pênalti, e o goleiro Kevin Trapp defendeu outro.

Usando este período pré-Mundial para fazer 'testes' no time, o técnico Hansi Flick mandou a campo um time misto para a partida. No gol, por exemplo, o titular Manuel Neuer começou no banco e Ter Stegen, do Barcelona, ganhou uma oportunidade. A dupla de ataque, por sua vez, foi formada por Kai Havertz e Timo Werner, do Chelsea, e que garantiram o triunfo alemão.

Os gols saíram só depois dos 30 minutos do primeiro tempo. Em cobrança de escanteio pela direita, David Raum colocou na cabeça de Kai Havertz, que testou firme para fazer 1 a 0.

Já nos acréscimos, em novo lance de bola parada, Gündogan cobrou falta direta para o gol, com força, e no meio do caminho Werner desviou para o gol, enganando o goleiro israelense e ampliando o placar.

No segundo tempo, Flick fez muitas mudanças no time, aproveitando o amistoso para levar a campo algumas das novidades que convocou para esta Data Fifa. Inclusive Trapp entrou no lugar de Ter Stegen no gol e foi decisivo.

Após os 40 minutos, o jogo esquentou e cada país teve um pênalti marcado a seu favor. Porém, ambos foram desperdiçados. Primeiro com Thomas Müller, que perdeu para a Alemanha. Depois, com Yonatan Cohen, que viu Trapp voar para o canto certo e defender.

A Alemanha volta a campo na terça (29), na Johan Cruyff Arena, em Amsterdã, para novo amistoso, desta vez contra a Holanda, que também já está garantida no Mundial no Catar.