<
>

Como 'Bad Boy' Verstappen quebrou reinado de Hamilton na Fórmula 1 e fez história

play
Fórmula 1: Verstappen supera Hamilton e é o grande campeão! Renan do Couto analisa temporada do holandês (4:28)

Um dos melhores campeonatos da história da Fórmula 1 terminou neste domingo (12) (4:28)

Holandês conquistou seu primeiro título neste domingo, em Abu Dhabi, superando o rival Lewis Hamilton


Max Verstappen, da Red Bull, conquistou seu primeiro título da Fórmula 1 neste domingo, ao superar Lewis Hamilton, da Mercedes, na última corrida do ano, em Abu Dhabi. O caneco veio com uma ultrapassagem magistral na última volta.

Começou! Até meia-noite de domingo (12) tem Star+ Acesso Livre. Muito esporte AO VIVO, séries e filmes. Acesse agora e aproveite de graça toda a programação.

O holandês de 24 anos quebra assim uma hegemonia no mundial de piolotos da Mercedes, que venceu todos os títulos de 2014 a 2020 na Fórmula 1, com uma batalha épica que viu os dois pilotos chegarem em Yas Marina empatados em pontos.

Mais jovem piloto da história da Fórmula 1 (17 anos) e mais jovem vencedor (18), Verstappen demorou para conquistar seu primeiro título.

Mas ele veio após um ano de batalhas épicas e que às vezes podem até ter passado dos limites na pista, com os dois adversários batendo roda diversas vezes no ano.

E se teve algo que Verstappen não teve nenhuma dúvida o ano inteiro foi o de fazer o papel de "vilão". Enquanto Hamilton sempre faz questão de ser um "gentleman" dentro e fora do carro, o holandês usou e abusou das respostas ríspidas e nada dentro do "politicamente correto".

Como em 2018, por exemplo, quando aos 19 anos vinha de uma série de batidas e acidentes na pista e foi perguntado em uma coletiva se deveria mudar seu estilo de pilotagem. "Eu estou ficando cansando dessas perguntas. Se eu for perguntado sobre isso novamente, posso dar uma cabeçada em alguém", respondeu o holandês.

Round 1

O acidente ocorreu quando os pilotos lutavam pela liderança na primeira volta em Silverstone. O inglês acertou a roda dianteira do líder do Mundial de pilotos em uma curva. O carro de Verstappen teve a suspensão quebrada, rodou e bateu forte na barreira de pneus, enquanto Hamilton ficou na pista e vencer a prova.

"Em primeiro lugar: estou bem. Foi um grande impacto, mas me sinto melhor. Obviamente, muito desapontado por ter sido eliminado assim. A penalidade dada não nos ajuda de forma alguma e não faz justiça ao movimento perigoso que Lewis fez no caminho certo. Assistir às comemorações depois da corrida ainda no hospital é um comportamento desrespeitoso e antidesportivo, mas seguimos em frente", disse o holandês, após a corrida.

Round 2

Em Monza, após a primeira parada nos boxes, Hamilton voltou logo na frente de Verstappen, que tentou ultrapassar na primeira curva, os dois ficaram lado a lado e acabaram se tocando, saindo da pista e da corrida. Na ocasião, a roda traseira da Red Bull foi parar no capacete do inglês.

Verstappen saiu do carro dando as costas para Hamilton. "Há muitos hipócritas no mundo, com certeza ”, disse Verstappen quando questionado sobre as críticas pelo que fez após o acidente.

“Quer dizer, eu pulei do carro e olhei para a esquerda. E ele está, é claro, ainda tentando dar ré, balançando o volante, tentando fugir embaixo do meu carro. Então eu acho que ele estava absolutamente bem. Também voar na segunda ou terça-feira para os EUA para uma festa de gala, acho que você só faz isso se se sentir bem. Então eu acho que já estava tudo sob controle”.

Round 3

Em Interlagos, Verstappen foi além dos limites da pista para proteger sua liderança de uma tentativa de ultrapassagem de Lewis Hamilton, com ambos indo além da zebra na Descida do Lago na pista paulistana. Os comissários da prova não deram nenhuma punição ao holandês pelo incidente.

Round 4

No GP da Arábia Saudita, Verstappen novamente foi além dos limites da pista para proteger sua liderança de Lewis Hamilton. E isso aconteceu duas vezes. Depois, ao ser informado pelos comissários de que como punição deveria dar sua posição a Hamilton, o holandês diminuiu consideravelmente a velocidade de sua Red Bull e posicionou o carro no meio da pista, com o piloto da Mercedes acertando em cheio sua traseira. Verstappen foi punido com 5 segundos.

Goste ou não, Verstappen iniciou sua era vencedora na F1 e, tendo um carro competitivo em mãos, pode ter ganhado o primeiro de muitos títulos.