<
>

Fórmula 1 anuncia o primeiro piloto chinês de sua história

Nesta terça-feira, a Fórmula 1 anunciou Guanyu Zhou como o primeiro piloto chinês de sua história. Ele integrará a equipe da Alfa Romeo a partir de 2022.

Hoje com 22 anos, o novo nome da categoria foi piloto de testes da Alpine e é vice-líder da Fórmula 2. Ele atuará ao lado do finlandês Valtteri Bottas, também da Alfa Romeo, e substituirá o italiano Antonio Giovinazzi.

“Eu sempre sonhei, desde pequeno, em evoluir o máximo que puder em um esporte que amo, e agora o sonho se tornou realidade. É um privilégio iniciar minha carreira na Fórmula 1 em uma equipe tão icônica, que introduziu muitos jovens talentos no passado”, declarou Zhou ao site oficial da F1.

“Ser o primeiro piloto chinês da Fórmula 1 é um avanço para a história do automobilismo. Sei que haverá muitas esperanças em mim e, como sempre, levarei isso como motivação para melhorar e conquistar mais coisas”, completou.

A atual temporada da Fórmula 1 conta com Max Verstappen, da Red Bull, na liderança, com 332,5 pontos. Com 318,5, o inglês Lewis Hamilton é o segundo colocado e também briga pelo título. A 20ª etapa será disputada no Qatar, no próximo domingo, às 10h00 (de Brasília).