<
>

Verstappen mostra dedo do meio e chama Hamilton de 'idiota estúpido' durante treino da F1 nos EUA

play
Descansando? Veja o treinamento diferente de Max Verstappen durante o isolamento (0:05)

O piloto da Red Bull publicou o vídeo da sua atividade nas redes sociais | @maxverstappen1 (0:05)

Verstappen não gostou de manobra de Hamilton neste sábado, durante treino da F1 em Austin, nos Estados Unidos


O holandês Max Verstappen, da Red Bull, mostrou o dedo do meio e xingou Lewis Hamilton, da Mercedes, após ser forçado a sair da pista devido a uma manobra do rival durante treino da Fórmula 1 neste sábado, antes do GP dos Estados Unidos, em Austin, no Texas.

Depois de 10 minutos do início do treino, Hamilton empurrou Verstappen para fora no trecho final do circuito, enquanto ambos tentavam voltas rápidas. Os piltos ainda seguiram próximos uns dos outros na sequência, o que atrapalhou bastante o holandês em sua tomada de tempo.

Começou! Até meia noite de domingo (24) tem Star+ Acesso Livre. Muito esporte AO VIVO, séries e filmes. Clique aqui e aproveite de graça toda a programação.

O talento da Red Bull, então, mostrou o dedo médio ao adversário e o chamou de "idiota estúpido" no rádio da equipe.

Imediatamente, o engenheiro responsável disse a Verstappen para que "ignorasse" Hamilton e focasse apenas no plano de corrida.

Em entrevista após o treino, o holandês foi questionado sobre o assunto e não quis dar muitos detalhes.

"Pois é, eu não sei (o que Hamilton estava fazendo). Nós estávamos todos nos posicionando para tentar voltas rápidas, então eu não entendi de fato o que aconteceu ali", limitou-se a dizer.

Verstappen é o atual líder do Mundial de F1, mas está apenas 6 pontos à frente de Hamilton, naquela que já está sendo descrita como uma das maiores disputas por título da história da modalidade.

Os rivais já bateram um no outro duas vezes na atual temporada, nos GPs da Grã-Bretanha e da Itália.

O GP dos Estados Unidos, por sua vez, será neste domingo, dia 24 de outubro.