<
>

Hamilton celebra vitória no GP de Portugal e exalta disputa com Verstappen

No Grande Prêmio de Portugal deste domingo, Lewis Hamilton conquistou sua 97ª vitória na carreira. Porém, o britânico teve dificuldades no começo da corrida e precisou se recuperar para ultrapassar seus principais adversários e vencer a etapa.

Após a relargada nas primeiras voltas do GP, o atual campeão da Fórmula 1 perdeu a segunda posição para Max Verstappen e caiu para terceiro. Só que Hamilton conseguiu se acertar na corrida, passou o holandês e seu companheiro Valtteri Bottas, e assumiu a liderança da prova.

“Foi uma corrida muito difícil, física e mentalmente. Estava ventando muito então, obviamente, era muito fácil cometer erros. Não tive uma largada tão boa quanto a de Valtteri e perdi na relargada, o que não foi bom. Naturalmente, não fiquei feliz com isso”, explicou o piloto.

“Tive que tentar me posicionar do melhor modo possível e, não me lembro direito, mas acho que Max cometeu um erro em algum ponto na volta, o que foi perfeito. Eu sabia que aquela seria a volta e eu estaria o mais próximo possível no último setor. Com Valtteri, tive que fazer a ultrapassagem antes que os pneus ficassem destruídos, e consegui passá-lo na curva um. Foi uma ótima corrida”, acrescentou.

Hamilton ainda comentou sobre sua disputa com Verstappen e destacou que a batalha pode ser algo “incrivelmente divertido” ao longo da temporada.

“É sempre incrível uma corrida como a de hoje, em que você consegue seguir e ultrapassar os rivais, capitalizar em cima das pequenas margens que construiu. Ao mesmo tempo, Max está tirando tudo que pode da Red Bull e nos fazendo suar. Eu creio que será assim durante toda a temporada, o que deve ser incrivelmente divertido”, declarou.

Com a vitória, o britânico permaneceu na liderança do mundial de pilotos e chegou aos 69 pontos, contra 61 do holandês. A próxima etapa será o Grande Prêmio da Espanha, no dia 9 de maio.