<
>

Heptacampeão de Fórmula 1, Hamilton reafirma seu papel na discussão por igualdade: 'Não vou parar de lutar'

O domingo amanheceu com a vitória de Lewis Hamilton no Grande Prêmio da Turquia e confirmação do sétimo título mundial de Fórmula 1 do piloto. Em seu perfil no Instagram, o inglês postou um texto de celebração e reflexão.

A mensagem do piloto é aberta com uma mensagem falando sobre sua luta por direitos humanos e contra o racismo, algo que ditou sua campanha durante a temporada. O piloto afirmou que seguirá na luta diariamente.

“Antes de hoje e mesmo depois de cruzar a linha, estava pensando o que é mais importante para mim. Este ano foi tão imprevisível. Com a pandemia e, obviamente, a temporada sendo adiada por vários meses, eu tive o maior tempo de inatividade que já tive na minha vida. Isso me deu a chance de realmente pensar sobre meu propósito. Sete campeonatos mundiais significam muito para mim, nem consigo descrever o quanto, mas há outra corrida que ainda não vencemos”.

“Este ano fui impulsionado não apenas pelo meu desejo de vencer nas pistas, mas por um desejo de ajudar a impulsionar nosso esporte e nosso mundo a se tornar mais diversificado e inclusivo. Eu prometo a você que não vou parar de lutar por mudanças. Temos um longo caminho a percorrer, mas vou continuar a lutar pela igualdade em nosso esporte e no mundo em que vivemos”, escreveu o piloto.

Em seguida, Hamilton citou o fato de igualar o número de títulos de Michael Schumacher e realizar o sonho de infância, falando para que seus fãs não desistam de perseguir os seus.

“Igualar o recorde de Michael Schumacher coloca em mim um holofote que sei que não estará aqui para sempre. Então, enquanto você está aqui, prestando atenção, gostaria de pedir a todos que façam sua parte para ajudar a criar um mundo mais igualitário. Vamos ser mais receptivos e gentis uns com os outros. Vamos fazer com que a oportunidade não dependa de onde você veio ou da cor da pele”, disse.

“Nada é impossível. A minha motivação este ano tem sido dar o exemplo para a próxima geração, de nunca desistir de seus sonhos. Muitos me disseram que meu sonho era impossível, mas aqui estou. Quero que saiba que você também pode fazer isso. Nunca desista, continue lutando, e vamos continuar crescendo para a ocasião”, finalizou.

Além do sétimo título do mundial de Fórmula 1, a temporada de Hamilton foi tomada pelas quebras de recordes. O mais recente foi do número de vitórias, superando, também, Schumacher. Com a desse domingo, o inglês acumula 94 na carreira.