<
>

F1: Torcedor do PSG, Gasly revela ligações de Neymar e Mbappé após vitória no GP da Itália

play
Após 1ª vitória na F1, Gasly comenta saída da Red Bull e 'resposta na pista': 'Houve razões para não ser competitivo, mas não queria ir na mídia' (1:42)

Piloto francês levou a AlphaTauri ao primeiro lugar em Monza e conquistou sua primeira vitória na categoria (1:42)

Neymar e Mbappé, do Paris Saint-Germain, se juntaram ao presidente da França, Emmanuel Macron, ao parabenizar o piloto Pierre Gasly, que venceu o GP da Itália de Fórmula 1 no último domingo.

Gasly, torcedor do PSG, disse à ESPN que as duas estrelas de seu time do coração estavam entre aqueles do mundo dos esportes que ligaram para ele na noite de domingo.

"Sim, fiquei impressionado e muito feliz com as mensagens de apoio que recebi de todos os outros atletas do mundo dos esportes", disse Gasly. “Eu obviamente acompanho futebol um pouco mais. Eu conheço alguns caras, Neymar, Griezmann, Mbappé, Giroud. Muitos jogadores acompanham Fórmula 1 e me parabenizaram".

"Também em esportes diferentes, como tênis, alguns ciclistas... Fiquei chocado e ainda não tive a chance de ver todas as mensagens. Significa muito porque me faz perceber que às vezes estamos tão focados que não percebemos as pessoas que estão torcendo por nós e que estão felizes com o sucesso”.

A vitória de Gasly foi a primeira de um piloto francês desde Olivier Panis no GP de Mônaco de 1996, quando o piloto da AlphaTauri tinha apenas três meses. Algumas horas após a corrida, ele revelou à Sky Sports que havia perdido uma ligação do presidente Macron - ele conseguiu retorna-la mais tarde.

Quando questionado se ele já havia falado com Macron antes, Gasly disse: "Nunca! É por isso que fiquei tão surpreso. Isso me fez perceber que algo grande aconteceu. Não é todo dia que você recebe uma ligação do seu presidente. Isso foi muito legal. Ele me ligou para dizer que ele estava muito feliz e muito orgulhoso de mim e do que eu conquistei".

“Tivemos de esperar longos 24 anos antes de acontecer novamente comigo em Monza. Ele estava muito satisfeito, então foi importante que eu aproveitei este momento especial. Obviamente, palavras muito especiais - uma ligação muito especial”, definiu.