<
>

GP da Holanda de Fórmula 1 é cancelado em função do coronavírus

Na manhã desta quinta-feira, a Fórmula 1 confirmou o cancelamento do Grande Prêmio da Holanda deste ano. É a quarta corrida cancelada este ano em função da pandemia do novo coronavírus. Seria a volta do país no calendário da F1 depois de 35 anos.

“Nós gostaríamos de celebrar este momento, o retorno à Fórmula 1 em Zandvoort, junto com todos os nossos fãs de automobilismo da Holanda. Pedimos a todos para serem pacientes. Tive que esperar por isso por 35 anos, então posso esperar mais um ano”, disse o promotor da prova, Jan Lammers.

A última corrida em território holandês foi em 1985. Com a ideia de retomada dos GP’s tradicionais, o circuito de Zandvoort voltaria a figurar na maior categoria do automobilismo. A ascensão promissora de Max Verstappen também alimentou a ideia da realização da prova em sua terra natal.

Antes da Holanda, a organização da Fórmula 1 já havia cancelado os GP’s de Mônaco, França e Austrália. Além disso, as corridas do Bahrein, Vietnã, China, Espanha, Azerbaijão e Canadá foram adiadas. O início da temporada estava marcado para o dia 15 de março, na Austrália, mas foi suspenso. Com quase três meses de atraso, se espera que o mundial 2020 inicie no próximo dia 5 de julho na Áustria, sem a presença de público.