<
>

Fórmula 1 anuncia 'adiamento' de regras em um ano por conta de coronavírus

play
Em isolamento, Lewis Hamilton dá aula sobre lavar as mãos e manda recado (0:59)

Piloto britânico ressaltou a importância de levar o coronavírus a sério (0:59)

A Federação Internacional do Automobilismo (FIA) e a Fórmula 1, assim como todas as 10 equipes que disputam a competição, entraram em acordo nesta quinta-feira (19) para que as regras previstas para o próximo ano sejam 'adiadas' e entrem em vigor até 2022.

Pouco antes do anúncio oficial, as partes interessadas se comunicaram através de uma videoconferência e discutiram os impactos da pandemia de coronavírus no esporte.

Ficou decidido na reunião que as regras aplicadas neste ano ainda terão validade em 2021.

As equipes esperam que a mudança alivie suas finanças, já que a renda desta temporada foi reduzida por conta da diminuição do número de corridas.

Em comunicado oficial, a FIA informa que “devido à volátil situação financeira que isso criou, foi acordado que as equipes usarão seu chassi de 2020 para 2021, com o congelamento potencial de outros componentes a serem discutidos em devido tempo".