<
>

Verstappen diz que experiência ajudou na vitória deste domingo

A corrida maluca da manhã deste domingo no GP da Alemanha não pode tirar o brilho da vitória de Max Verstappen, da RBR, na Fórmula 1. Pelo contrário: saindo mal na largada, ele se recuperou durante a corrida e, no final, conseguiu a sua segunda vitória na temporada, muito comemorada.

“Foi incrível vencer no final. Foi muito complicado fazer as escolhas certas. Sair para o topo era tudo sobre não cometer erros. É incrível vencer aqui. Você aprende com os anos. Fiquei muito feliz com toda a performance hoje”, disse o piloto após a corrida deste domingo.

Com chuva, trocas de pneus e estratégias a todo momento, Verstappen foi o vencedor da prova, com destaque também para Sebastian Vettel, que ficou na segunda colocação após ter largado em último. Kvyat, da Toro Rosso, completou o pódio, o primeiro da escuderia desde o GP da Itália, em 2008.

Já Hamilton, da Mercedes, que foi pole position, perdeu o controle e foi punido em cinco segundos por volta irregular aos boxes. Ele ainda rodou na pista em outro momento, mas conseguiu voltar e terminou a prova na 11ª colocação. Apesar do mau resultado, o britânico continua na ponta da classificação com 223 pontos somados.

Bottas é o segundo, com 184, seguido de Verstappen, agora com 162, Vettel, com 141, Leclerc, com 120. A Fórmula 1 retorna no dia 4 de agosto, no circuito de Hungaroring, na Hungria, às 10h10 (de Brasília). Em 2018, Hamilton foi o campeão do GP, seguido de Vettel e Raikkonen, em terceiro, ambos da Ferrari.