<
>

Bottas não joga a toalha por título e lamenta safety car no momento errado

Valtteri Bottas largou na pole no GP da Inglaterra deste domingo, porém foi ultrapassado por Lewis Hamilton ao longo da prova e terminou na segunda posição. O piloto da Mercedes acredita ter sido prejudicado pela entrada do safety car, que foi à pista após Antonio Giovinazzi para na caixa de brita. O finlandês liderava a prova até então, porém o carro de segurança atrapalhou-o na parte final da corrida.

Além disso, Bottas acredita que a disputa pelo título ainda não acabou, acreditando ser possível alcançar seu companheiro de equipe na classificação geral.

“Nós tivemos uma boa luta, e a batalha ainda não acabou. Eu não sei o que dizer, parabéns a Lewis, foi um apoio maciço para ele aqui. Eu parei primeiro e estava controlando a diferença do pit stop, então eu ainda estava efetivamente liderando a corrida até o safety car”, afirmou o finlandês.

Apesar de ter perdido a posição para Hamilton, Bottas destacou seu bom desempenho no circuito inglês, apresentando bom nível de velocidade em todo o fim de semana.

“Lewis conseguiu uma parada livre. Eu também fui para os médios, o que significava que eu tinha de parar de novo no final, então foi praticamente isso. Não foi realmente o meu dia, mas pelo menos o ritmo era bom. Existem alguns aspectos positivos, fomos os mais rápidos na pista e o ritmo de corrida foi bom hoje”, ressaltou o piloto da Mercedes.

Com a vitória, Hamilton isolou-se na liderança do Mundial de pilotos de 2019 com 223 pontos, 39 a mais do que Bottas. A próxima prova será na Alemanha, no dia 28 de julho.