<
>

Aos 33 anos, Hamilton usa Schumacher de exemplo e diz que pode correr por mais cinco temporadas

Aos 33 anos, Lewis Hamilton, até aqui, não parece demonstrar dificuldades em relação a sua idade. Atual campeão mundial de Fórmula 1, o piloto da Mercedes é o líder da temporada e pode caminhar para o seu sexto título mundial em 2019.

Por conta disso, se depender do britânico, sua carreira ainda está longe de ser encerrada. Hamilton usou o exemplo de Michael Schumacher, que se aposentou pela primeira vez pouco antes de completar 38 anos, para mostrar que ainda pode correr por mais cinco anos.

“Michael se aposentou quando tinha 38 anos, eu estou com 33, então eu quero dizer sobre mim e eu posso definitivamente fazer cinco anos”, disse, em entrevista ao apresentador americano David Letterman.

Com 77 vitórias na carreira e buscando o recorde de Schumacher, que é de 91, o britânico da Mercedes apontou ainda sua determinação como motivo para o sucesso e longevidade no automobilismo.

“Eu sou ridiculamente determinado a vencer. Eu tenho essa oportunidade que eu poderia facilmente deixar de lado agora, mas eu sinto que estaria esbanjando se eu não continuasse a melhorar, crescer, pressionar”, completou.