<
>

Terceira edição do Girl Power reunirá grande nomes do cenário feminino de Valorant

Torneio terá uma premiação de R$ 20 mil Divulgação/Girl Power

Oito equipes disputam em novembro o Girl Power, torneio que reunirá importantes nomes do cenário feminino de VALORANT.


Após a disputa do Protocolo Evolução, vencido pela Gamelanders Purple no domingo (24), o cenário competitivo feminino de VALORANT se volta para a terceira edição do Girl Power.

O Girl Power faz parte do VALORANT Game Changers, organizado pela Riot Games. Segundo o anúncio feito nesta quinta-feira (28), serão oito equipes na disputa entre 24 e 27 de novembro, com uma premiação total de R$ 20 mil.

“O cenário feminino de VALORANT segue crescendo. Com o apoio dos nossos patrocinadores, conseguimos tornar o campeonato ainda mais atrativo por conta da premiação e tenho a certeza que o evento será́ um sucesso”, afirma Peterson Rodrigues, diretor da Gaming Culture, responsável pelo Girl Power.

B4 Angels, Gamelanders Purple, Havan Liberty e Stars Horizon estão confirmadas, pois receberam convite da organização. Uma qualificatória aberta, que acontece entre 15 e 16 de novembro, classificará 4 times para o evento principal. As equipes interessadas na disputa desta etapa podem se inscrever neste link (https://bit.ly/3mdddaf).

O Girl Power VALORANT terá a narração de Babi Micheletto e os comentários de Amanda “AMD” Abreu.

NOVO TALENTO DA B4\

A B4 anunciou nesta quinta-feira (28) o Draft Angels, a primeira peneira do gênero feminino de VALORANT. O período das inscrições Free Agent será entre os dias 12 e 19 de novembro e terá o limite de 80 participantes. Sem restrição de idade para a inscrição, as candidatas precisam morar no Brasil e ter um rank de no mínimo Ouro 3 no VALORANT.