<
>

League of Legends | Faker retorna a competir e quebra sequência de derrotas da T1

play
'Soul Fighter' é o novo evento da Riot Games em homenagem aos fighting games (0:57)

League of Legends, Legends of Runeterra, TFT e Wild Rift receberão conteúdos diferentes a partir de 20 de julho (0:57)

Depois de passar por dificuldades na LCK (liga sul-coreana de League of Legends) devido ao afastamento de Lee “Faker” por conta de uma lesão em sua mão, a T1 voltou a ganhar no torneio com o retorno da estrela. Considerado um dos maiores jogadores do mundo, Faker voltou a vestir o uniforme da organização nos palcos do campeonato e garantiu a vitória em cima da Kwangdong Freecs na manhã desta quarta (2).

O retorno do ‘Rei Demônio Imortal’ à competição relembrou aos fãs e entusiastas de League of Legends a importância de Faker para a equipe. Enfrentando o plantel da Kwangdong, a T1 se mostrou nada menos nada mais do que dominante ao agarrar duas vitórias maiúsculas finalizadas aos 23 minutos e com grandes diferenças tanto em abates quanto em ouro.

Apesar do resultado, o maior impacto de Faker foi provavelmente a energia, estabilidade e confiança que traz para a equipe. Isso porque o mid laner não foi o grande destaque da T1 em questão de abates, com Lee "Gumayusi" e Choi "Zeus" despontando nesse quesito.

O desempenho nesta última partida se destoa dos jogos que a organização disputou nas últimas semanas. Sem contar com Faker em seu elenco principal durante quatro semanas - mas contando com a presença dele durante os treinamentos, segundo Mun "Oner" -, a T1 perdeu sete das oito séries que disputou. Sua única vitória veio em cima da Nongshim RedForce.

Apesar da campanha desastrosa da equipe, a T1 já garantiu um lugar nos playoffs da LCK, apesar de ter caído para o quinto lugar da tabela. Nesta sexta-feira (4), a equipe volta ao Summoner’s Rift para disputar sua última série da fase regular contra a Liiv SANDBOX.