<
>

CS:GO | Treinador da AVE revela esquema ilegal para promover venda de jogadores

Treinador da AVE revela esquema ilegal de fraude, de alguns organizadores de torneios usando o ranking mundial de equipes da HLTV para valorizarem os jogadores


Um dos nomes de peso da região do CIS, com a passagens nas equipes Team Spirit e Natus Vincere, starix, atual treinador da AVE, comentou em suas redes sociais sobre um esquema de faude. Segundo informado pelo treinador, alguns organizadores de torneios usam o ranking da HLTV.org para valorizar um jogador, permitindo o uso de trapaças para conseguir vender depois.

"Os empresários procuram grupos de jogadores, não times, e oferecem as seguintes condições: "Vamos convidar você para os nossos torneios, pagamos $10 mil por mês. Nós fornecemos o OBS e permissão para usar cheat. Você rouba nos nossos torneios. Quando chegar ao Top 30, nós o vendemos para outra organização”, comentou o treinador.

starix revelou que o esquema usa o top 30 de equipes da HLTV para se basearem, em qual jogador vão estar de olho. O top 30 do site muda a cada semana, de acordo com o desempenho das equipes e jogadores durante o período de sete dias. O esquema permite dar o acesso total a esses torneios, como bastidores, transmissão sem delay e até mesmo a permissão para roubar durante os jogos.

O treinador explicou que o esquema visa o aumento da multa da venda dos jogadores ou escalação, onde ao momento que ambos os lados subirem no ranking, vai chamar a atenção de organizações com um alto valor de mercado e vencer por um preço bem acima do esperado.

O treinador afirmou que isso pode até mesmo impedir que novos jogadores ou equipes consigam se destacar em torneios de nível pequeno, por conta de serem lidos e avaliados mais facilmente. "Você questiona a sua confiança em suas táticas, desenvolvimento, pensamentos, jogo, ações e, em geral, em tudo que você fez por três a seis meses", finalizou o treinador.