<
>

R6: Equipes brasileiras do grupo A estreiam bem no primeiro dia do Six Invitational

Alem4o, Neskin e Lagonis são jogadores de Rainbow Six pela Team oNe Divulgação

O primeiro dia no Six Invitational de Rainbow Six começou com a estreia de quatro das seis equipes brasileiras que estão atuando no torneio. Em um dia inspirado, os brasileiros chegaram ao campeonato prontos para mostrar toda a força do cenário brasileiro e despontaram na tabela com grandes vitórias.

TEAM ONE 1 x 0 CLOUD9

Para começar o dia, em uma das transmissões, os Golden Boys da Team oNe enfrentaram a sul-coreana Cloud9 em um confronto que resumiu bem a força dos brasileiros na competição e mostrou que a equipe também chegou com sede de vitória no campeonato.

Encaixando cinco rounds seguidos na defesa da Vila e perdendo apenas um na primeira metade, Neskin e Levy protagonizaram um ótimo jogo para colocar a equipe brasileira na vantagem no placar. A virada de lado trouxe um pouco de respiro aos adversários, que conseguiram marcar três pontos na defesa, mas que logo caiu para as investidas ofensivas dos Golden Boys para acabar com o mapa em um 7 a 4.

TEAM LIQUID 0 x 1 TEAM EMPIRE

A estreia da grande campeã da Copa Elite Six dentro dos servidores não foi tão animadora quanto a da Team oNe. Em um confronto complicado contra os russos da Team Empire, Nesk e companhia não conseguiram traduzir todo seu sucesso até o momento em seu confronto.

Começando a defesa na Casa de Campo na defesa, a primeira metade se mostrou promissora ao mesmo tempo que mostrava uma Empire pronta para superar os brasileiros. E isso se mostrou durante a virada de lado, onde agora na defesa, a equipe russa dominou os brasileiros com uma performance impecável de JoyStiCK e ShepparD para cravar o 7 a 4.

TEAM ONE 1 x 0 G2 ESPORTS

Mais uma vez os Golden Boys voltaram a se apresentar no servidor e contrariam as expectativas da comunidade, que apostou na vitória dos europeus da G2. A primeira metade começou com a equipe de Kantoraketti (G2) abrindo uma leve vantagem através de boas ofensivas no ataque do fragger CTZN, virando em um 4 a 2.

O lado atacante dos brasileiros repetiu o sucesso da adversária no mesmo lado. Inspirado com seu Buck e Smoke, Alem4o foi a peça chave da Team oNe para a virada na prorrogação e a garantia de sua segunda vitória dentro do grupo A - além da liderança.

TEAM LIQUID 1 x 0 FAZE CLAN

No Consulado, para a infelicidade dos brasileirinhos tivemos confronto entre duas equipes brasileiras: Team Liquid e FaZe Clan. Totalmente diferentes de sua partida anterior, a Cavalaria chegou para enfrentar a equipe de cameram4n com sangue nos olhos e buscando sua primeira vitória.

Totalmente dominante e com mais uma vez Muringa sendo o jogador destaque por parte da Team Liquid, a Cavalaria atropelou seus conterrâneos em meio a ataques fatais e defesas sólidas para fechar a série sem muita demora por 7 a 3.

FURIA 1 x 0 G2 ESPORTS

A estreia dos Panteras no principal campeonato de Rainbow Six trouxe um jogaço aos espectadores. A equipe que chegou ao torneio através da qualificatória latino americana, mostrou dentro do Consulado que tem toda a capacidade de bater de frente contra as melhores equipes do mundo.

Um lado defensivo forte por parte de Highs garantiu para a FURIA uma virada de lado tranquila sem muita vantagem no placar geral. Do lado atacante, o brasileiro continuou a se destacar ao lado de Fntzy e, após uma virada apertada, garantiram o 8 a 7 para começar o campeonato com chave de ouro.

DARKZERO ESPORTS 0 x 1 FAZE CLAN

A segunda partida de cameram4n e o resto de seus companheiros trouxe um resultado mais feliz aos brasileiros. Começando com um ataque extremamente forte, a FaZe disparou no placar com boas atuações de todo o coletivo ainda na primeira metade e fizeram a transição para o lado defensivo com folga.

A defesa foi um pouco mais apertada para a equipe brasileira, mas Cyber brilhou nos momentos que precisava e garantiu a vitória em rounds importantes para aproveitar a vantagem garantida na primeira metade e acabar de vez com o confronto por 7 a 4.

FURIA 0 x 1 BDS ESPORTS

O embate entre os Panteras e a vice-campeã europeia dentro do Kafe Dostoyevsky foi tão difícil quanto a partida contra a campeã G2 - mas o resultado dessa vez foi diferente. Começando com um ataque incisivo, a BDS mostrou aos Panteras que não precisa de Shaiiko para conseguir performar e garantiram a vantagem na virada com BriD e Elemzje brilhando para cravar o 4 a 2.

A virada de lado continuou com o bom momento coletivo da equipe da BDS ainda no primeiro round da defesa e viu um lapso de reação por parte da FURIA nos dois rounds seguintes, mas não foi o suficiente para parar a equipe de Shaiiko, que mesmo apagado garantiu uma eliminação tripla no penúltimo round para levar por 7 a 4.

TEAM LIQUID 1 x 0 CLOUD9

A Cavalaria encontrou os sul-coreanos como oposição em sua terceira partida do dia. O desafio começou com os brasileiros dando uma aula dentro do servidor em sua defesa dentro das salas da Casa de Campo, virando o mapa com um 6 a 0.

O que parecia ser um passeio para a Team Liquid, quase se tornou um pesadelo ao demonstrar dificuldades em fechar o jogo e ver a equipe da Cloud9 desempenhar no lado defensivo. Com quatro rounds seguidos para os adversários, os brasileiros conseguiram finalmente fechar a partida em um 7 a 4.

TEAM ONE 1 x 0 TEAM EMPIRE

O último confronto do dia dos brasileiros da Team oNe aconteceu contra a Team Empire, que havia derrubado dois de seus oponentes. Chegando com moral após começar o dia bem com duas vitória, a magia brasileira não prevaleceu.

A defesa russa se mostrou extremamente eficiente na primeira metade do confronto, abrindo uma dianteira de quatro rounds e pressionando os brasileiros que, apesar de tentarem voltar no jogo emplacando três rounds seguidos para ficarem vivos, os Golden Boys foram derrotados: 7 a 4 e liderança no grupo para a Team Empire.

CYCLOPS 0 x 1 FURIA

A equipe japonesa da Cyclops teve que enfrentar a FURIA no penúltimo confronto do dia logo após coletar resultados negativos em suas duas últimas partidas. Os brasileiros, que chegaram para o embate empatados em vitórias e derrotas, buscavam terminar o dia com um saldo positivo.

Fortes e dominantes, os brasileiros não tiveram tantas dificuldades do lado defensivo com Miracle e Fntzy chamando o jogo pra si e virando com um 5 a 1. A virada de lado continuou a mostrar o domínio brasileiro na disputa, encaixando a vitória nos dois rounds seguidos e fechando o dia com vitória.

FAZE CLAN 1 x 0 G2 ESPORTS

Para fechar o dia, a FaZe teve a difícil missão de enfrentar os campeões europeus da G2 Esports para tentar se juntar aos outros três times brasileiros que jogaram nesta terça (11) e terminaram o dia com saldo positivo.

O último combate do dia aconteceu no casarão de Oregon. Comandada por cameram4n, a equipe dos brasileiros aplicou uma defesa que pressionou o adversário a gastar quase todo o tempo na busca por frestas. Muitas vezes, o time da G2 teve pouco tempo para decidir o que fazer. O placar da primeira metade foi favorável para a FaZe em 4 a 2.

Após a mudança de lado, a FaZe se mostrou mais decidida no ataque, com direito a um ace de Soulz1. Os brasileiros fecharam a disputa em 7 a 2.

A QUARTA-FEIRA (12)

As atuações brasileiras no Six Invitational 2021 continuam nesta quarta-feira (12) com a MIBR e Ninjas in Pyjamas, que disputam o grupo B. As partidas começam a partir das dez horas da manhã e serão transmitidas através dos canais oficiais da Ubisoft.