<
>

LoL: Caçador da FPX alega ter sido forçado a participar de esquema de combinação de resultados na LDL

play
"A gente treina até mais com time do NA do que latino-americano", conta Halier sobre treinos da All Knights (5:44)

Técnico brasileiro fala também sobre as diferenças entre o LATAM e o Brasil (5:44)

De acordo com uma publicação na página oficial da FunPlus Phoenix na rede Weibo, o caçador Bo declarou aos oficiais do torneio que em 2020 foi forçado a participar de um esquema de combinação de resultados de partidas válidas para a LDL, a liga de desenvolvimento da China. O esquema foi revelado na manhã desta segunda-feira (22).

De acordo com o comunicado, tanto a FPX quanto o caçador se comprometeram em cooperar completamente com as investigações. Bo foi caçador da eStar em 2020 na LDL. A FPX declara ainda que Bo ficará suspenso até que as investigações terminem.

“Recentemente nós notamos uma comoção online sobre opiniões envolvendo nosso jogador Zhou Yang-Bo (FPX.Bo). Bo também teve a iniciativa de reportar ao clube seu comportamento impróprio no qual foi coagido a participar durante a LDL de 2020”, diz a postagem na rede social asiática.

O comitê disciplinar vai investigar as informações disponibilizadas por Bo. Dependendo do resultado das investigações, Bo e seu antigo clube, a eStar, podem sofrer sanções e até mesmo serem banidos dos torneios oficiais de League of Legends na China. Bo jogou na eStar Young na segunda etapa de 2020 e ajudou seu time chegar aos playoffs.

Combinação de resultados é algo que a Riot não admite em seus torneios. Em 2019 o time Rogue Warriors Shark foi banido da LDL e multado em US$ 420 mil e o jogador WeiYan foi banido das competições oficiais por 2 anos.

Bo é uma das revelações da FPX e tem sido decisivo na boa atuação da FPX na LPL e atualmente é um dos melhores caçadores da região. Sempre à frente ante aos seus adversários, Bo tem 40% de participação nos primeiros abates e trouxe no torneio chinês personagens como Taliyah, Pantheon e Nidalee, porém seus resultados mais incisivos foi quando jogou como Olaf.

Com a suspensão de Bo, a FPX terá que trazer Tian à ativa, que estava de licença para cuidar de sua saúde mental. A FPX ocupa a segunda posição na LPL com 7 vitórias e 2 derrotas, atrás apenas da Edward Gaming, que segue invicta no torneio chinês.