<
>

Free Fire: Flamengo anuncia nova parceria para a disputa da LBFF

play
Chat Aberto: Bruno 'PlayHard' abre as portas da mansão da LOUD (10:31)

O empresário também fala sobre as novidades que chegam em breve na equipe, Thurzin e a possibilidade de entrar em outras categorias dos esports (10:31)

*Erramos: Esta notícia foi corrigida

O Flamengo Esports está de cara nova para a disputa da primeira etapa da LBFF. Recentemente, o rubro-negro desfez sua parceria com a B4, organização tradicional no Free Fire e que, antes da parceria, ocupava o topo da tabela na fase regular do campeonato nacional do jogo.

Buscando uma nova parceria, o Flamengo fechou um acordo com a TRT Gaming por intermédio da agência de talentos Red Button. A TRT obteve o sublicenciamento da marca em um acordo feito com a Simplicity Esports, que lidera o setor de esports da equipe rubro-negra.

“Esse é um aspecto do nosso trabalho que muitas vezes passa despercebido, mas que é muito importante. Observar boas oportunidades de negócios para nossos clientes. A Red Button já tinha um bom relacionamento com a Simplicity, que lidera a iniciativa do Flamengo nos esports, e quando a possibilidade de oferecer uma vaga no principal campeonato de Free Fire do cenário surgiu, não deixamos ela escapar” declarou Alessandro Ferreira, sócio da agência RedButton.

Com a mudança, o time passa a ser chamado apenas por “Flamengo Esports”, sem qualquer referência a empresa licenciada, diferente do que acontecia na parceria com a B4. A escalação e os novos jogadores serão anunciados em breve, antes do começo da LBFF. Petiiz e Capitão Marulho serão os responsáveis por coordenar a organização, juntamente a TTT, responsável pela comissão técnica rubro-negra.

Errata:
*Diferente do publicado anteriormente, TRT Gaming não é responsável pela agência de talentos RedButton. A Red Button foi a intermediária para o acordo entre Simplicity e TRT para o sublicenciamento da marca. A notícia foi corrigida