<
>

CSGO: MIBR perde para Fnatic e deixa escapar vaga direta na Flashpoint

play
Guerri critica 'Fla-Flu' das torcidas na rivalidade entre FURIA e MIBR pelo CSGO: 'É muito agressivo' (4:41)

Técnico da FURIA avalia excessos que partem dos torcedores, mas vê comunidade amadurecendo (4:41)

Logo após uma derrota na Overpass de 46 rounds, nesta quinta-feira (3), a MIBR deixou a série escapar no seu mapa de escolha,válido pelo playoffs da Flashpoint. A equipe brasileira perdeu a série por 2 a 0 para a Fnatic, perdendo a vaga para a final da chave superior.

Maior mapa do jogo, a Overpass também passa a ser o maior em duração da nova MIBR, com três prorrogações e 46 rounds de duração, a Fnatic soube explorar diversas falhas da equipe brasileira no “tempo regulamentar” para forçar o empate. Vencendo pelo cansaço evidente dos adversários, o time sueco soube usar a paciência e finalizar a partida por 25 a 21.

A esperança da equipe brasileira era seu contestado mapa de escolha, a Vertigo. Na fase de banimentos, Nuke foi removida como primeira opção, deixando a forte Dust 2 disponível, entretanto, a MIBR optou pela clássica construção.

Completamente abatida dentro de jogo, a MIBR assistiu um verdadeiro atropelo sueco, onde a equipe brasileira teve poucas chances de crescer e impor o seu estilo. A Fnatic fechou a Vertigo por 16 a 4, se classificando para a final dos vencedores contra a Virtus.Pro.

Apesar da derrota, a MIBR segue viva na competição e enfrenta a MAD Lions, pela semifinal na chave dos perdedores da Flashpoint 2, na sexta-feira (4).