<
>

CSGO: FURIA vence a G2 e está nos playoffs da DreamHack Masters

play
Guerri critica 'Fla-Flu' das torcidas na rivalidade entre FURIA e MIBR pelo CSGO: 'É muito agressivo' (4:41)

Técnico da FURIA avalia excessos que partem dos torcedores, mas vê comunidade amadurecendo (4:41)

Na DreamHack Masters Winter 2020: Europe de Counter -Strike, a FURIA venceu a G2 nesta quarta-feira (02) pela semifinal da chave dos Vencedores do Grupo B. Com o placar de 2 a 1, a equipe brasileira avança para os playoffs do torneio que será disputado até 06 de dezembro e distribuirá 150 mil dólares em premiação. Veja como foi a série melhor de 3:

INFERNO - FURIA

A FURIA começou o dia do lado Atacante e tratou de plantar a bomba no round pistol, mas o adversário desarmou o artefato. Os brasileiros viraram o placar ao conquistar 7 pontos seguidos e a G2 conseguiu responder só no round 9. Os brasileiros brecaram a reação adversária no round 12, com grande jogo de VINI. O placar da primeira metade foi de 9 a 6 para os brasileiros.

A G2 conseguiu o pistol na troca de papeis, só que a FURIA mostrou que está em ótima fase em Inferno para fechar o mapa em 16 a 8.

MIRAGE – G2

Como CT, a FURIA começou bem em Mirage e conquistou o primeiro pistol. A G2 conseguiu fez seu primeiro ponto no 5º round e não parou por aí. A equipe mostrou força pela primeira vez na série, empatou o placar em 6 a 6 e ficou a frente ao final do primeiro tempo.

A G2 conseguiu com o pistol da segunda etapa e mostrou que as coisas seriam mais equilibradas que Inferno. A FURIA conseguiu o empate em 9 a 9. Após uma troca de rounds, a G2 encontrou seu jogo para abrir vantagem e fechar o mapa em 16 a 13.

NUKE

No mapa decisivo, a FURIA começou do lado Defensor e ficou com os dois primeiros pontos. A G2 venceu seu primeiro round armado e mostrou que a disputa série seria no ritmo parelho da Mirage. A FURIA desgarrou um pouco no placar (9 a 4), com direito a grande ação de HEN1 no round 12 e VINI no round 13. O placar da primeira metade foi de 11 a 4 para os brasileiros.

O jogo da G2 não foi suficiente para as ações terroristas da FURIA, que fechou o mapa em 16 a 6.

SEQUÊNCIA DO TORNEIO

Com a vitória, a FURIA volta a jogar pela DreamHack Masters no dia 04 de dezembro contra a mouseesports.