<
>

CS:GO: FURIA derruba a Team Liquid e vence a BLAST Fall Showdown

play
Guerri critica 'Fla-Flu' das torcidas na rivalidade entre FURIA e MIBR pelo CSGO: 'É muito agressivo' (4:41)

Técnico da FURIA avalia excessos que partem dos torcedores, mas vê comunidade amadurecendo (4:41)

Pela semifinal da BLAST Premier Fall 2020 Showdown neste domingo (29), a FURIA venceu a Team Liquid por 2 a 1 e garantiu vaga no BLAST Premier: Fall 2020 Finals de Counter-Strike. Para chegar à “decisão”, a FURIA levou a melhor sobre a Virtus.pro por 2 a 1 na sexta-feira (27), enquanto a Team Liquid superou a MIBR por 2 a 0 no sábado (28). Veja como foi o confronto de FURIA e Liquid:

OVERPASS – TEAM LIQUID

A Team Liquid fez o primeiro ponto do dia no pistol como Atacante. A FURIA conseguiu seu primeiro ponto no terceiro round, mas a Liquid marcou 5 a 1. A FURIA reagiu com 3 pontos seguidos. Após trocas de rounds, a primeira metade acabou em 10 a 5 para a Liquid. Com a mudança de papéis, a cavalaria marcou o segundo pistol.

Após grande ação de Kscerato no round 20, a FURIA mostrou poder de reação e HEN1 marcou um clutch com AWP no round 25. O empate veio na rodada seguinte. Na sequência, foi a vez da Liquid vencer com um clutch, graças a Twistzz. Sem tempo para plantar a bomba no round decisivo, a cavalaria venceu o mapa.

INFERNO - FURIA

A FURIA começou como Atacante em Inferno e levou os sete rounds iniciais, até a Liquid colocar o famigerado placar em destaque na disputa. O time brasileiro mostrou que a derrota em Overpass foi esquecida e seus alvos foram abatidos um a um. Na virada de papéis, o placar marcava 13 a 2 para os brasileiros.

A cavalaria levou o pistol e esboçou uma reação com 4 pontos na sequência. Só que a FURIA retomou o desempenho do primeiro tempo e fechou Inferno em 16 a 6.

MIRAGE - FURIA

A FURIA, como Atacante, não deixou a peteca cair entre o intervalo dos mapas e tratou de vencer o pistol de Mirage. Com o “spray” em dia, o time brasileiro conseguiu marcar mais 3 pontos seguidos. As rotações brasileiras seguiram dando certo, assim como a mira. Só que a Team Liquid acordou e trouxe a competitividade de volta para a série. O placar da primeira metade foi de 9 a 6 para a FURIA.

O time brasileiro fez um belo pistol na mudança de papéis. Sem resposta, a Team Liquid batia em uma defesa forte dos bombsites a cada round. A reta final foi marcada por troca de round, mas a vitória ficou com o time brasileiro por 16 a 9.

PRÓXIMO PASSO

Com a vitória, a FURIA garantiu vaga para o BLAST Premier: Fall 2020 Finals, torneio que acontece entre 08 e 13 de dezembro. A última vaga será disputada ainda neste domingo (29) entre Cloud9 e mouseports. Já estão no Fall 2020 Finals as equipes da OG, Team Vitality, G2 Esports, Natus Vincere, BIG e Astralis.