<
>

Riot anuncia calendário competitivo de VALORANT para 2021

play
Marina Leite fala sobre a participação da Vorax em VALORANT. (1:35)

CEO da equipe revela planos para a temporada 2021 no FPS da Riot (1:35)

A Riot Games já começou a dar os primeiros passos para o competitivo global de VALORANT em 2021. Com três campeonatos diferentes, intitulados Challengers, Masters e Champions, a desenvolvedora pretende iniciar o ano de 2021 com grandes disputas para estimular o cenário competitivo do FPS.

Com qualificatórias abertas e início marcado para janeiro, o VALORANT Challengers contará com três campeonatos que serão realizados no decorrer de seis semanas com a participação das oito melhores equipes de cada região.

O torneio acontecerá diversas vezes no decorrer do ano e garantirá às 16 melhores equipes do mesmo vagas para o VALORANT Masters - duas das vagas serão destinadas a equipes brasileiras.

O planejamento inicial para o Masters é que eles sejam realizados presencialmente com representantes do mundo inteiro, no entanto segundo Whalen Roselle, diretor sênior de esports da Riot Games, “enquanto a COVID-19 continuar impactando viagens internacionais, os eventos Masters serão limitados a competições regionais parecidas com o First Strike”.

O Masters concederá aos times participantes pontos, os quais contarão para a classificação para o VALORANT Champions, campeonato mundial do título que acontece no fim do ano.

Das 16 melhores equipes do mundo participantes do Champions, onze serão classificadas através de pontos adquiridos através dos Masters, enquanto a vencedora do terceiro e último se classifica automaticamente.

As quatro equipes remanescentes serão decididas através do qualificatório “Last Chance”, que funcionará como uma repescagem para o torneio.