<
>

Saiba o que está em jogo em Sims Spark'd, 'campeonato' de The Sims que tem US$ 100 mil em prêmios

The Sims Spark'd é um reality show do canal norte-americano TBS que reúne doze streamers de The Sims e um prêmio de US$ 100 mil. Composto por quatro episódios transmitidos às sextas-feiras, o programa é uma colaboração entre a desenvolvedora Maxis, Electronic Arts, a ELEAGUE e a plataforma de streaming BuzzFeed Multiplayer. Juntos, os responsáveis pelo programa esperam que a franquia de 20 anos se conecte aos mais novos e apaixonados por Sims.

"Ouvimos nossa comunidade de jogadores e ela gostaria que houvesse mais competição no jogo", disse Sheila Judkins, diretora global de marketing da EA. "Não há uma maneira errada de jogar The Sims, e por isso, a combinação de construções, estilos e histórias que você pode contar é infinita.

"O desafio na forma de pressão e tempo limitado costumam desafiar as pessoas. Muitos artistas dizem que têm um desempenho melhor sob pressão, então sabíamos que pedir aos jogadores que se unissem e enfrentassem desafios criativos não apenas destacaria sua criatividade, mas tornaria uma maneira de diversão e drama sobre trabalho em equipe ".

Spark'd não surgiu como projeto da quarentena, mas em dezembro de 2019, imaginado como uma série de várias temporadas.

"Surgiu como uma ideia de um show competitivo e colaborativo baseado em The Sims", disse Kelsey Impicciche, juíza do programa e popular criadora de conteúdo do game. "Foi o que realmente me atraiu no começo", completou.

No jogo, 12 participantes realizam uma variedade de tarefas no jogo para impressionar um grupo de juízes, incluindo Impicciche (BuzzFeed); Taylor Parx, cantora e compositora que também atuou como dubladora em The Sims, adaptando uma de suas músicas para o jogo; e Dave Miotke, que trabalha no jogo há 15 anos.

O show é algo novo para todos os envolvidos, incluindo Impicciche, que passou de criadora a juíza de alguns de seus colegas. Em maio, a youtuber conhecida por seu “100 Baby Challenge” em The Sims ultrapassou a marca de 500 mil inscritos em seu canal. BuzzFeed Multiplayer, onde está o 100 Baby Challenge, tem mais de 10 milhões de assinantes.

"Há muitos youtubers de The Sims, alguns presentes no programa, que criaram seus próprios desafios e descobriram maneiras de trabalhar com outras pessoas em um jogo Single Player”, disse Impicciche.

O formato The Sims é praticamente a mesmo desde que a franquia lançou seu primeiro jogo em 2000. Impicciche: “construa uma casa, consiga um emprego, alcance o sucesso e faça coisas legais”. Partidas individuais neste molde sempre fizeram parte do jogo também, mas The Sims evoluiu de um "jogo de simulação de vida" para o lar de coisas como o 100 Baby Challenge, no qual Impicciche trabalha desde dezembro 2018. Não existe uma maneira certa de jogar, o que abre um leque de possibilidades, desde maneiras mórbidas de matar todos os Sim até recriar a escola de Harry Potter, Hogwarts.

"Sempre foi um jogo sobre contar histórias com os personagens que você cria, que parecem humanos e têm relacionamentos interpessoais", disse Impicciche. "Acho que o que realmente mudou foi a chegada do YouTube e a introdução de Sims na comunidade online. Foi isso que realmente abriu esse diálogo entres os fãs da série e o tornou mais do que um jogo para um jogador".

Conhecer o potencial do The Sims e vê-lo em ação, no entanto, são duas coisas diferentes. Matt Mosteller, vice-presidente de conteúdo da Turner Sports, ficou surpreso com o esforço necessário para definir os formatos que o programa poderia ter.

A complexidade do mundo e as técnicas de criação de uma história em The Sims podem ser novas para alguns espectadores, mas a arte é semelhante a outros shows como Lego Masters ou The Great British Bakeoff.

"Você acabou de ser jogado no universo de Sims e nesses novos mundos que os competidores estão construindo", disse Mosteller. "Eles começam com uma lista completamente em branco e criam personagens e comunidades sob medida, e você se sente atraído pelo o que eles estão criando".

Os jogadores são divididos em quatro equipes de três, com um competidor construindo o lote em que os Sims viverão, um desenvolvendo personagens e um mentor da narrativa em cada desafio. Os jogadores de The Sims 4 também podem participar da série de quatro episódios, completando as tarefas do show em seus próprios jogos. Aqueles que completam os objetivos tentam aparecer nas próximas temporadas do The Sims Spark'd, de acordo com a EA.

Mais de duas décadas após seu lançamento, The Sims passou de um monumento ao engenho individual à uma vitrine mundial de criatividade, com prêmios em dinheiro. Como qualquer reality show ou competição eliminatório - seja ele hilário ou estranho – o importante é descobrir o que impressionará os fãs, telespectadores e juízes.

"A coisa que mais amo no game é criar conteúdo”, disse Impicciche. “Amo estes desafios onde há uma quantidade de tempo. Cada parte da história, cada peça que os competidores colocam precisa fazer a diferença", completou.

Narrativas, tensão, prêmios e competição? Soa um pouco como um esport. Mas se The Sims Spark'd transmite essa vibração ou não, os executivos acreditam que ela tem poder de se firmar.

"Sendo honesto: fizemos muitos programas para a ELEAGUE ao longo dos anos, de jogos competitivos a apenas casuais; fizemos alguns reality shows no passado também", disse Mosteller. "Acho que este tem a capacidade de realmente atrair as pessoas com os personagens, o jogo em si e o mundo construído. Todas essas peças reunidas criaram quatro horas de televisão realmente envolventes que estamos empolgadas em compartilhar assistir".