<
>

PUBG: Jogador argentino é banido após imitar macaco enfrentando brasileiros

O jogador argentino de PUBG, Iván Lucco, conhecido como p0me, foi banido do battle-royale após cometer atitude racista em uma transmissão na Twitch.

Profissional pela Singularity, p0me fez sons imitando um macaco após ser eliminado por brasileiros no game na última terça-feira (23).

É a segunda atitude de cunho racista dele — em 2019, o jogador havia sido suspenso pela PUBG Corp por dizer “por que me mata, brasileiro macaco?” após também ter sido abatido por um brasileiro.

O líder de comunicações da PUBG Corp no Brasil, Carlos Madrid, anunciou na última quarta-feira (24) que p0me foi banido pela reincidência, teve seus privilégios do Programa de Parcerias do game removido e que também teve punição na área de esports, que será divulgada pela Singularity.

O jogador se pronunciou ainda na mesma quarta-feira pedindo desculpas se o que disse ofendeu brasileiros.