<
>

Resumo: Black Dragons vitorioso no PB, Vincit no CrossFire, os melhores da BGS e muito mais

Se desligou da internet na última semana? Esteve de férias, “dentro de uma caverna” ou não deu conta de ficar por dentro de tudo que ocorreu no mundo dos esports? O resumo do ESPN Esports Brasil chegou para te deixar por dentro do que aconteceu entre 7 a 13 de outubro, pelo mundo.

COUNTER-STRIKE: GLOBAL OFFENSIVE

A ESL Pro League (EPL) começou com muitos brasileiros na disputa. MIBR e Furia foram os primeiros a entrarem em campo na divisão norte-americana. A equipe comandada por FalleN, inclusive, conseguiu se classificar para a fase final do campeonato após fechar o Grupo A na liderança, enquanto os Panteras, que terminaram em segundo, vão ter que disputar a repescagem.

O mesmo aconteceu com a equipe de coldzera. Apesar do bom início na divisão europeia, com vitórias sobre OpTic e BIG, FaZe não conseguiu ser superior ao mousesports no confronto valendo a liderança do Grupo A. Com isso, precisará disputar a repescagem.

Ainda falando de cenário norte-americano tivemos INTZ dominante na seletiva para DreamHack Open Atlanta. Os Intrépidos avançaram para o evento principal após vencerem em sequência eUnited, Ben's Anime Team.

No Brasil, a primeira temporada do Campeonato Brasileiro de Counter-Strike (CBCS) chegou ao fim com Imperial ficando com o título e a vaga para a oitava temporada do StarSeries & i-League. Na decisão, a equipe venceu Evidence por 2 a 0 (16 a 5 na Nuke e 16 a 8 na Vertigo).

Também chegar ao fim os torneios femininos e masculinos promovidos pela BGS Esports. De virada, Vivo Keyd derrotou Team oNe e ficou com o título da competição voltada para as mulheres, enquanto paiN Gaming venceu o torneio dos homens após vencer a série por 3 a 0.

CROSSFIRE

Com a torcida a favor, Vincit Gaming conquistou o título da edição deste ano do CrossFire Stars Invitational, que aconteceu no Brasil neste ano. Contra aquela que era considerada uma das favoritas, a chinesa BaiSha Gaming, o time brasileiro foi melhor na decisão, com vitória por 2 a 1.

DOTA 2

A nova temporada do Dota Pro Circuit (DPC) começou com as equipes disputanto tanto vagas para o Major de Chengdhu e o Minor Summit 11.

O Brasil não foi bem na seletiva latina para o Major. A paiN Gaming foi a única a conseguir ir mais longe na luta pela vaga, sendo derrotada nas duas oportunidades que teve para as equipes peruanas beastcoast e Unknown. Já no classificatório voltado para o Minor, hFn e companhia não deram sorte ao azar e se garantiram na competição após vitória sobre NoPing na decisão.

LEAGUE OF LEGENDS

A Fase de Grupos da edição deste ano do Campeonato Mundial de League of Legends começou a todo vapor neste fim de semana, com SK Telecom T1 (SKT) e Invictus Gaming (iG) largando na frente nas respectivas chaves. Tanto a equipe coreana, como a chinesa venceram os dois primeiros confrontos e lideram, respectivamente, os grupos C e D.

Já pelo Grupo A tivemos cloud9 e G2 Esports sendo superiores a Hong Kong Attitude e Griffin, respectivamente, e no Grupo B, J Team e Splyce dividem a liderança após estrearem com vitórias sobre FunPlus Phoenix e GAM Esports.

MORTAL KOMBAT

Durante a Brasil Game Show (BGS) tivemos uma etapa do Pro Kompetition. Tekken Masters foi quem ficou com o título. O jogador do Bahrein levantou o troféu após vencer na decisão britânico DizzyTT. KillerXinok foi o brasileiro que chegou mais longe, terceiro colocado, dando adeus na competição na após derrota sofrida no confronto final da repescagem para Dizzy.

OVERWATCH

Com o fim da Overwatch League, as atenções do cenário de Overwatch se voltaram para The Gauntlet do Contenders.

Vice-campeão do Contenders sul-coreano, Element Mystic foi quem ficou com o título. A equipe iniciou na competição pelo Grupo A, no qual avançou para o mata-mata em primeiro lugar após vitórias sobre Talon Esports e XL2 Academy. Na Fase Eliminatória, ainda mais domínio sobre os adversários: triunfo sobre Atlanta Academy na semifinal, RunAway na tabela superio e, novamente, contra o "time B" do Atlanta Reign na decisão.

PUBG

A disputa pelas vagas destinadas ao cenário latino-americano para o PUBG Global Championship, o Mundial de Playerunknown's Battlegrounds (PUBG).

Mais oito quedas foram disputadas pela quarta temporada da LA League, com Laranja Mecânica sendo aquela que mais conquistou pontos pela Semana 2. Contudo, quem lidera a competição é Japish Japish com 155 pontos, seguido de perto por Red Canids.

Já no GGL Masters tivemos 12 quedas disputadas, com Red Canids sendo a equipe que teve melhor aproveitamento na Semana 2. Com os 130 pontos conquistados, a Matilha subiu para a segunda colocação, ficando a 10 pontos da Furia, que lidera com um total de 212 pontos.

POINT BLANK

O Brasil mostrou mais uma vez, nesta semana, porque é uma das principais regiões do Point Blank. Equipe que conquistou o direito de representar o País no Point Blank International Championship (PBIC), Black Dragons fechou o Mundial da modalidade comemorando o título após vitória sobre RRQ.EPiC, da Indonésia.

RAINBOW SIX

A divisão latino-americana da Pro League está na reta final e as equipes que vão representar o Brasil na fase final foram definidas com uma semana de antecedência. Ninjas in Pyjamas (NiP) e FaZe foram as equipes que ficaram com as vagas. Os Ninjas, nesta semana, empataram com INTZ e venceram Team Liquid por 7 a 5. Campanha parecisa com a equipe de Astro, que empatou com MIBR e venceu os Intrépidos por 7 a 3.

Classificação
NiP - 9 vitórias, 3 empates e 1 derrota - 30 pontos
FaZe - 8 vitórias, 3 empates e 2 derrotas - 27 pontos
Team oNe - 7 vitórias, 2 empates e 4 derrotas - 23 pontos
Team Liquid - 6 vitórias, 3 empates e 4 derrotas - 21 pontos
Black Dragons - 4 vitórias, 3 empates e 6 derrotas - 15 pontos
INTZ - 3 vitórias, 4 empates e 6 derrotas - 13 pontos
MIBR - 2 vitórias, 5 empates e 6 derrotas - 11 pontos
Elevate - 1 vitória, 1 empate e 11 derrotas - 4 pontos