<
>

Em reencontro com vitórias, Erickao diz que problemas de saúde influenciaram na série de derrotas da Uppercut

Erickao falou sobre as duas derrotas da Uppercut na segunda semana Riot Games

As duas últimas semanas do Campeonato Brasileiro de League of Legends (CBLoL) não foram as das melhores para a Uppercut. Além das quatro derrotas sofridas, muitos dos integrantes da organização tiveram problemas de saúde. Um total de sete profissionais entre jogadores, membros da comissão técnica e da direção, segundo Erickao.

Mas na coletiva de imprensa após o triunfo da Uppercut sobre o CNB e-Sports, neste domingo (23), o diretor deixa claro que não usa o fato como desculpa para os revezes sofridos “Não é desculpa não. Jogamos mal na semana passada mesmo, mas o fator saúde influenciou bastante”, afirmou o executivo.

“A casa inteira estava doente. O Hy0ga foi o pior. O Rafap ficou muito ruim e eu, péssimo. Na semana passada eu não fui nenhum dia para a gaming house e só não fiquei internado porque pedi para o médico. Eu tive pneumonia e a nossa psicóloga teve influenza”, revelou Erickao.

Os Blumers não foram as únicas vítimas da Uppercut nesta quarta semana. No sábado (22), o time já havia vencido a Redemption. Esses dois triunfos, na visão de Erickao, deram "um alívio para os jogadores, facilita um pouco o trabalho durante a semana, mas não muda nada o nosso pensamento de continuar evoluindo”.

Com os triunfos, a equipe deixa a sexta colocação para dividir o quarto lugar com paiN Gaming e INTZ. Os três times possuem quatro vitórias e quatro derrotas.