<
>

Rumo a Berlim: Nos EUA, trio brasileiro inicia luta por vagas no Americas Minor nesta quarta

O Brasil estará junto com Furia, LG e Team oNe na luta pela vaga no Minor DreamHack

O Brasil poderá estar em peso no Americas Minor válido para o StarLadder Berlim. Mas isso dependerá do desempenho de Furia, Luminosity e Team oNe na seletiva norte-americana para o próximo Major de Counter-Strike: Global Offensive, que começa a ser disputa nesta quarta-feira (12).

As três equipes brasileiras disputarão seis vagas no Minor contra outros 13 times. A seletiva será disputada pela internet, com os quatro melhores da tabela dos vencedores se garantindo no regional americano, enquanto os demais times lutarão na repescagem pelas duas últimas vagas. Todos os confrontos serão em melhor de três (md3).

Vice-campeão da sétima temporada do Esports Championship Series (ECS), a Furia é uma das primeiras a “entrar em campo”. Os Panteras estrearão na seletiva contra os norte-americanos do Peeker's Advantage às 13h10 (de Brasília).

No mesmo horário, os amantes do Counter-Strike também poderão torcer para a Team oNe, que duelará contra os sul-africanos do ATK. Já às 16h10 teremos a Luminosity enfrentando os americanos do Party Astronauts. A tabela completa você pode acessar clicando aqui e a transmissão em português, aqui.

AMERICAS MINOR

O Americas Minor é um dos quatro regionais válidos pelo segundo Major deste ano. No torneio, que será disputado em Berlim na véspera do StarLadder Berlim, estarão presente oito equipes: seis da seletiva norte-americana e duas da sul-americana.

Os brasileiros da INTZ e da Sharks ficaram com as vagas destinadas à América do Sul por terem terminado, respectivamente, na primeira e segunda colocação do classificatório - ambas com direito a vitória sobre a argentina Isurus.