<
>

Keyd dá balão em candidata ao Desafiante e está próxima de acertar com caçador mexicano

O caçador mexicano Grell. Riot Games

Assim como na primeira etapa do Campeonato Brasileiro de League of Legends (CBLoL) 2019, a Vivo Keyd pode contar com um caçador estrangeiro para a disputa da segunda edição deste ano do Circuito. Desta vez, contudo, o provável novo Guerreiro não vem de muito longe, mas sim da América Latina.

O ESPN Esports Brasil apurou que a recém rebaixada para a 2ª divisão do cenário nacional está negociando com o mexicano Grell, jogador que é tido como uma das revelações do cenário latino. O caçador vinha competindo na Liga Latino-americana (LLA) junto à Rainbow7. A informação também foi apurada pelo MPB Esports

O jogador, segundo informações obtidas pela reportagem, estava também na mira da Rensga Gaming, equipe que está negociando a compra da vaga da Operation Kino (OPK) no Circuitão. Mesmo chegando depois, a Keyd deu um balão na adversária e está bem próxima de acertar com o caçador.

Grell surgiu no cenário em 2017 e rapidamente ascendeu dentro do competitivo daquela região. Um ano após estrear, o jogador fez parte da formação que levou a Dash9 Gaming até o vice-campeonato da segunda etapa da antiga liga destinada ao servidor norte da América Latina. Mesmo resultado que obteve vestindo a camisa da Rainbow7, só que no início desta temporada na LLA.

Caso a contratação se concretize, o caçador mexicano chega para dividir a posição com o brasileiro Caos, que vem representando a Vivo Keyd desde dezembro do ano passado. A organização conta ainda com Bieldomaul na reserva.

EXPERIÊNCIA RECENTE

Na etapa do CBLoL na qual acabou amargando o rebaixamento, a Keyd contou com um caçador estrangeiro: o taiwanês Laba. Apesar de bem elogiado pelos próprios companheiros, o jogador não convenceu durante as 18 partidas que atuou e foi bastante criticado pela torcida.