<
>

Atacante do Vélez explica por que quer ser Miss: 'Não por me achar linda, mas para ampliar meu esporte'

Sasha Gigliani tem 25 anos, joga no Vélez Sarsfield e é modelo Instagram

Sasha Gigliani, de 25 anos, vive uma vida dupla: ela é, ao mesmo tempo, atacante titular do Vélez Sarsfield, um dos mais importantes clubes da Argentina, e modelo profissional.

Ao mesmo tempo em que busca o sucesso esportivo, ela também ter outro sonho: ser Miss Argentina e representar o país no concurso Miss Mundo.

Em entrevista ao jornal Olé, ela contou que quer usar o mundo da moda para trazer mais atenção e publicidade ao futebol feminino na Argentina, que vem em crescimento nos últimos anos.

Além disso, ao definir seu estilo como jogadora, afirmou que é "mais Cristiano Ronaldo que Messi".

"Minha trajetória no futebol é mais baseada na dedicação e no aperfeiçoamento. Não é que nasci com um dom, como Messi. Sou mais do estilo de Cristiano Ronaldo, muito disciplinada. Se vejo que estou fazendo algo e não está dando certo, treino em dobro até que dê certo", afirmou.

"Como modelo, sou igual. É algo que trago do esporte. Na vida, é preciso ter disciplina e valores. Por isso também tenho esse projeto para o Miss Mundo: se eu ganhar, posso utilizar esse sucesso por todo o país, e poderia trazer ferramentas importantes para o futebol feminino na Argentina", explicou.

Sasha ainda contou que, quando começou a desempenhar as duas atividades ao mesmo tempo, inicialmente não teve apoio de suas colegas de equipe.

No entanto, ao explicar melhor suas ideias, passou a contar com a torcida das companheiras.

"Eu seria a primeira mulher na história dos concursos de beleza que também é esportista profissional, e em um esporte que todos veem como masculino. Eu não faço isso porque me acho linda ou pelos meus seios, mas sim como uma ferramenta para fazer crescer meu esporte, que é o que eu amo", salientou.

"Quando eu falei isso para minhas companheiras pela primeira vez, elas não entenderam muito. Mas quando eu expliquei o projeto, elas entenderam e me apoiaram", celebrou.