<
>

Por que Daniel Alves jogará a Olimpíada? Jardine revela motivo da convocação do astro e de mais dois acima da idade

play
Jardine explica convocação de Daniel Alves para a Olimpíada: 'Era para estar na Copa América' (1:39)

'Era um sonho que ele tinha', revelou o técnico da seleção olímpica (1:39)

Após anunciar os 18 jogadores convocados para a seleção brasileira olímpica, André Jardine justificou a presença de Daniel Alves, do São Paulo, como um dos três atletas acima da idade (24 anos) para os Jogos Olímpicos de Tóquio, que serão realizados entre julho e agosto.

"O Daniel Alves é uma referência. É um nome que tem um grande currículo, um dos mais vitoriosos de todo o futebol, tirou o São Paulo de uma fila. Era para estar na Copa América, mas infelizmente se lesionou. Procurávamos alguém como ele. Perfil de liderança e espírito vencedor. Tem um nível impressionante. Vai agregar demais. Tem sabedoria, liderança. O universo quis assim, nos colocou diante dele para a seleção olímpica. Vimos que ele ainda não tem a conquista da Olímpiada, brincamos com isso, e queremos que ele tenha esse título. Seria um momento ímpar", disse Jardine, em entrevista coletiva.

Os outros jogadores acima da idade chamados foram o zagueiro Diego Carlos, do Sevilla, e o goleiro Santos, do Athletico-PR.

"Entendemos que teriam que ser atletas com bagagem para agregar numa seleção que já é bastante forte. Acho que Santos é goleiro de principal, concorrência é de nível altíssimo, impressionante, e já foi convocado pelo Tite. Domina todos os fundamentos, ajuda a equipe em fase de construção. Vai dar esse toque de experiência que demonstramos que gostaríamos de ter. Diego Carlos está sempre no radar do Tite, altíssimo nível, vai agregar muita experiência e dar peso ao nosso sistema defensivo."

Na última terça-feira, o ESPN.com.br revelou com exclusividade a pré-lista de 50 convocados. A CBF (Confederação Brasileira de Futebol) enfrentou muitas dificuldades nas liberações de atletas, já que a competição não acontece em data Fifa, o que não obriga os times a cederem seus atletas.

play
1:29

Com Daniel Alves, André Jardine convoca seleção brasileira para a disputa da Olimpíada de Tóquio

O zagueiro Diego Carlos, do Sevilla, e o goleiro Santos, do Athletico-PR, também aparecem na lista para os Jogos Olímpicos

A preparação da seleção começa dia 1º de julho, na Academia de Futebol, o centro de treinamentos do Palmeiras. Depois, a delegação viaja a Doha, no Catar, e se desloca para o Japão no dia 15 de julho.

O torneio de futebol da Olimpíada começa em 21 de julho e vai até 7 de agosto, período em que os atletas desfalcarão seus clubes tanto no Brasil quando na Europa.

O Brasil está no grupo D da competição, ao lado de Alemanha, Costa do Marfim e Arábia Saudita. A equipe é a atual campeã olímpica, tendo levado a medalha de ouro nos Jogos do Rio 2016.