<
>

Copa América: Tite só confirma Ederson como titular contra o Peru, esconde escalação e explica motivos

play
Tite decide não revelar escalação para enfrentar o Peru e explica motivos (1:13)

Técnico da seleção brasileira falou em entrevista coletiva nesta quarta-feira (1:13)

Em coletiva nesta quarta-feira, um dia antes do jogo contra o Peru, pela Copa América, o técnico da seleção brasileira, Tite, não revelou a escalação que irá usar na partida desta quinta-feira, no Rio de Janeiro.

Brasil x Peru será na quinta-feira (17), às 21h (de Brasília), com transmissão ao vivo da ESPN Brasil e do ESPN App

Ao contrário do que fez contra a Venezuela, na 1ª rodada, o treinador salientou que prefere esconder o time, já que não quer dar armas para o técnico da equipe peruana, Ricardo Gareca, armar seu 11 inicial.

O único atleta confirmado para começar nesta quinta é o goleiro Ederson, que ganhou a vaga de Alisson.

"O Gareca nos enfrentou muitas vezes. Talvez ele esteja há mais tempo na seleção dele do que nós (na brasileira). Ele tem um domínio muito grande. Por vezes, você usar um atleta ou outro dá a oportunidade dele escolher qual estratégia ou característica ele vai ter. Dito isso, não vou dar a escalação", ressaltou Tite.

O treinador também salientou que seguirá fazendo mudanças na equipe durante a Copa América e dando oportunidade aos atletas. Há forte indício que Fabinho será uma das novidades no time titular, no lugar de Casemiro.

No entanto, o comandante relatou que seu maior desafio vem sendo não descaracterizar sua formação tática, ao mesmo tempo em que tenta encaixar cada jogador em uma função mais parecida possível que a que ele desempenha em seu clube.

"Não descaracterizar é um desafio que a gente tem. Dar oportunidade e descaracterizar a equipe é uma linha muito próxima... A ideia é manter os ateltas nas funções que eles fazem sem seus clubes. Isso dá a eles a chamada 'rotina do lugar'", explicou.

"Isso dá confiança ao atleta, porque ele vai fazer aquilo que ele tem domínio no seu clube, emprestando isso para a seleção. Do desempenho individual do atleta, a gente tenta montar essa estrutura", complementou.

Uma possível escalação para quinta-feira tem Ederson; Danilo, Militão, Thiago Silva e Alex Sandro; Fabinho e Fred; Neymar, Everton Ribeiro, Everton "Cebolinha" e Gabigol. Há chance, porém, de Gabriel Jesus também ser um dos homens de frente.

Agora, a seleção viaja para o Rio de Janeiro, onde passará a noite.

O Brasil enfrenta o Peru no estádio Nílton Santos, no Rio de Janeiro, às 21h (de Brasília) de quinta-feira, pela 2ª rodada do grupo B da Copa América.