<
>

No UFC, Holly Holm revela objetivo para final da carreira: 'Quero me aposentar com o título'

play
Adesanya chama Jon Jones de 'imundo' e vê 'ciúme' em críticas: 'Ele queria ser o que eu sou' (1:34)

Neozelandês criticou o lutador norte-americano após provocações (1:34)

Com trajetória de sucesso no MMA, no boxe e no kickboxing, Holly Holm construiu uma carreira esportiva de fazer inveja e que poderia deixar satisfeitos, e até mesmo acomodados, muitos atletas. Mas, apesar dos 38 anos, a veterana – ex-campeã peso galo (61 kg) do UFC – não perde de vista o sonho de conquistar novamente o título da principal liga do mundo.

Em conversa com a imprensa durante o media day nesta quarta-feira (30), a americana revelou que seu objetivo é se despedir do esporte como campeã. De acordo com a lutadora, a vontade de conquistar o título é o que a faz seguir competindo, mesmo com a idade avançada e após tantas glórias no seu currículo.

“Meu objetivo é ter o cinturão. Eu quero me aposentar com o título. Eu acredito muito no fato de que se você não está tentando lutar por um título, para que você está lutando? Se você não está tentando ser a número um, pelo que você está lutando? Essa é a diferença entre alguém que só quer uma faixa de participação ou a medalha de ouro. Eu estou sempre indo atrás do ouro”, declarou Holm.

Neste sábado (3), Holly Holm encara Irene Aldana na luta principal do UFC ‘Ilha da Luta’, em Abu Dhabi (EAU). Um triunfo sobre a mexicana – que chega embalada por cinco vitórias em suas últimas seis apresentações – pode colocar a veterana, segunda colocada no ranking dos galos, próxima de um novo ‘title shot’ para tentar destronar a campeã Amanda Nunes, diante de quem sucumbiu em julho do ano passado, em disputa válida pelo cinturão da categoria.