<
>

No UFC, Dana White exalta talento de Chimaev após nova vitória: 'Nunca vi nada como ele'

play
UFC: Com nocaute incrível em 17 segundos, a lenda do 'novo Khabib' segue crescendo (1:32)

Conheça Khamzat Chimaev, o grande fenômeno do Ultimate que vem acumulando vitórias impressionantes (1:32)

No último sábado (19), Khamzat Chimaev novamente assombrou o mundo do MMA com uma vitória impressionante. Com apenas 17 segundos de combate, o sueco nocauteou Gerald Meerschaert e somou a sua terceira vitória no Ultimate, no UFC Las Vegas 11. Se antes dessa apresentação Dana White, presidente da franquia, já estava encantado com o lutador, após a atuação ele não segurou a empolgação ao falar do atleta.

Em coletiva de imprensa após o evento, o mandatário da organização apontou Chimaev como um atleta “especial” e que está amando vê-lo lutar. A justificativa de Dana foi pelo estilo do sueco de competir, além de uma mentalidade de querer sempre atuar e nunca negar um compromisso. Depois de vencer Meerschaert, existe a possibilidade de Khamzat atuar em algum dos eventos marcados para ‘Ilha da Luta’,em Abu Dhabi (EAU), que tem início no próximo sábado e vai até o dia 24 de outubro.

“O cara é especial. Estou nesse jogo minha vida toda. Eu nunca vi nada como ele. Ele é especial, diferente. Ele quer lutar de novo. Quem é o próximo? Como vamos conseguir uma luta para ele? É divertido, e eu gosto. Quando você é um fã de luta, você ama assistir um cara desses. Esse cara é um dos lutadores mais especiais que eu já vi, senão o cara mais especial que já conheci”, disse o dirigente, antes de comentar os próximos passos do sueco, que pode encarar o brasileiro Demian Maia na sequência.

“Não sei o que faço com ele. Ele pode lutar antes encarar (Demian) Maia e lutar contra Maia também. Acho Maia não vai estar pronto a tempo para esse garoto”, concluiu.

Com 26 anos e no MMA profissional desde 2018, Khamzat Chimaev está invicto na carreira após nove duelos, com seis vitórias por nocaute e três por finalização. O sueco também escreveu seu nome na história no Ultimate por vencer dois compromissos com menor intervalo entre eles, com apenas dez dias.