<
>

Philippe Coutinho já ouve primeiras críticas no Bayern de Munique: 'Um estranho na equipe'

Philippe Coutinho ainda não convenceu a todos na Alemanha. Após completar 10 jogos com a camisa do Bayern de Munique, o brasileiro teve de ouvir críticas do ex-jogador Dietmar Hamman e do diretor Hasan Salihamidzic.

"Para mim, ele (Coutinho) é alguém estranho dentro da equipe. Não me lembro de um bom momento dele ofensivamente. Quando você tem um jogador assim, que não faz a diferença, se torna um problema porque mostra apenas metade do que é", disse Hamman, agora comentarista na Sky Sports alemã.

O volante aposentado, que chegou a ser considerado um dos melhores do mundo, ainda disse que o brasileiro sempre precisa de muito tempo para se adaptar ao jogo. "Ele ainda ainda vai jogar de 30 a 35 partidas, então ele vai precisar começar (a fazer diferença) em algum momento", completou.

Segundo o jornal Marca, da Espanha, o dirigente Salihamidzic, que também foi jogador, pediu tempo ao ex-meia do Barcelona. "O Philippe ainda precisa de um período maior para se conectar com a equipe, que também deve respondê-lo em campo. Ele ainda não está 100%", explicou.

O brasileiro soma 10 jogos com a camisa 11 dos Bávaros. Em 715 minutos em campo, foram dois gols marcados (contra Colônia e Paderborn) e quatro assistências - são sete vitórias, dois empates e uma derrota.