<
>

Brasileirão: Em noite de apresentação de Nenê e 'reunião' do VAR, Ceará faz golaço de bicicleta e arranca empate com o Fluminense no Maracanã

Fluminense e Ceará ficaram no empate por 1 a 1 nesta segunda-feira, no Maracanã, em partida que fechou a décima rodada do Campeonato Brasileiro. Os gols foram marcados por Pedro, para o Flu, e Tiago Alves, para os visitantes.

Com o resultado, os cariocas agora têm 9 pontos e ocupam a 15ª posição. Enquanto os cearenses continuam na frente, com 11 pontos, na 14ª posição.

Quem foi ao Maracanã na noite desta segunda-feira, viu um jogo com intensidade, boas chances para ambos os lados e de quebra talvez o gol mais bonito do Brasileirão até aqui.

Antes da parada para a Copa América, o Flu vinha de dois empates seguidos, e amargou o terceiro. O Ceará tinha perdido para o Vasco, e consegue ao menos se recuperar com um ponto mais na tabela.

Primeiro tempo com golaço

O Tricolor começou em cima. Aos 16, Ganso arriscou de fora da área a bola passou perto. Logo em seguida, Yony González subiu muito e cabeceou com perigo, mas Diogo salvou.

Aos 18, João Pedro recebeu bola na medida de frente para o gol, mas bateu para fora. No minuto seguinte, o atacante chutou forte, dessa vez acertando o gol, mas Diogo fez grande defesa. Aos 25, a terceira chance seguida de João, que finalizou em cima do goleiro.

Aos 32, o Ceará teve boa chance com Ricardinho de falta, que obrigou Agenor a trabalhar.

Depois de tanta pressão, finalmente o gol do Tricolor. Aos 40, Daniel cobrou escanteio, Nino desviou e Pedro colocou na rede. O VAR até checou o lance, mas confirmou o gol.

Mas aos 48, o Ceará empatou, e não foi qualquer gol. Depois de bate-rebate dentro da área após cobrança de escanteio, o zagueiro Tiago Alves acertou uma linda bicicleta, golaço!

Segundo tempo tem reunião do VAR

No começo do segundo tempo, o Ceará conseguiu um gol. Mas depois de uma verdadeira reunião do VAR, onde o árbitro Douglas Marques das Flores chamou até o quarto árbitro Daniel de Sousa Macedo para ver o lance na cabine à beira do campo. O lance foi bem anulado, pois Felippe Cardoso estava impedido e participou da jogada de gol de Mateus Gonçalves.

Aos 21, Ganso acertou chute forte e colocado de longe e obrigou Diogo a novamente fazer belíssima defesa. Aos 35, Flu ensaia uma pressão e Yonny González finaliza com desvio. Aos 42, o goleiro Diogo mostrou que estava em noite inspirada e impediu o segundo gol de Pedro, de cabeça.

NOVIDADE

O clube carioca anunciou oficialmente Nenê nesta segunda. Ele foi apresentado e deu entrevista coletiva no Maracanã antes do jogo. Depois assistiu à partida de um camarote.

Após rescindir contrato com o São Paulo, o meia usará a camisa 77 em seu novo time.

AGENDA

Na próxima rodada, o Fluminense faz clássico contra o Vasco, no sábado (20), em São Januário, às 11h. Já o Ceará encara o líder do campeonato, o Palmeiras, também no sábado, no Castelão, às 19h.

FICHA TÉCNICA:
FLUMINENSE 1 X 1 CEARÁ

Local: Maracanã, no Rio de Janeiro (RJ)
Data: 15 de julho de 2019, segunda-feira
Hora: 20h (de Brasília)
Público: 23.484 presentes
Árbitro: Douglas Marques das Flores (SP)
Assistentes: Danilo Ricardo Simon Manis (SP) e Daniel Paulo Ziolli (SP)
VAR: Heber Roberto Lopes (SC)
Cartão Amarelo: Ganso, Nino (Flu); Fabinho, Diogo Silva (CE)
Gols:
FLUMINENSE: Pedro, aos 41 minutos do primeiro tempo
CEARÁ: Tiago Alves, aos 48 minutos do primeiro tempo

FLUMINENSE: Agenor, Gilberto(Igor Julião), Nino, Digão e Caio Henrique; Yuri(Marcos Paulo), Daniel e Ganso; Yony González, Pedro e João Pedro(Miguel). Técnico: Fernando Diniz

CEARÁ: Diogo Silva, Samuel Xavier, Tiago Alves, Valdo e João Lucas; Fabinho, Ricardinho, William Oliveira(Fernando Sobral) e Thiago Galhardo(Felipe Silva); Rick(Mateus Gonçalves) e Felipe Cardoso. Técnico: Enderson Moreira