<
>

ESPYS 2019: Brasileiros passam 'em branco'; Antetokounmpo, Messi, Zion e Alex Morgan faturam

Na noite desta quarta-feira, foram entregues os ESPYS, em Los Angeles, para os maiores nomes do esporte americano e internacional.

Entre prêmios como 'melhor jogador da NBA', 'melhor alteta mulher' e outros, os brasileiros Gabriel Medina e Amanda Nunes concorreram entre os indicados, mas acabaram ficando sem o troféu.

CONFIRA os principais prêmios da noite:

Melhor jogadora WNBA - Breanna Stewart

Melhor momento 'viral' do esporte - Katelyn Ohashi

Melhor jogador NBA - Giannis Antetokounmpo

Melhor atleta masculino - Giannis Antetokounmpo

Melhor jogados MLS - Zlatan Ibrahimovic

Melhor jogados NFL - Patrick Mahomes

Melhor atleta de esportes de ação (feminino) - Chloe Kim

Melhor atleta de esportes de ação (masculino) - Nyjah Houston (categoria em que concorreu Gabriel Medina)

Melhor lutador MMA - Daniel Cormier (categoria em que concorreu Amanda Nunes)

Melhor tenista mulher - Serena Williams

Melhor jogador de futebol internacional - Lionel Messi

Melhor rookie ofensivo da NFL - Saquon Barkley

Atleta revelação - Saquon Barkley

Atleta universitário do ano - Zion Williamson

Melhor jogador da MLB - Christian Yelich

Melhor performance em quebra de recorde - Drew Brees

Melhor 'volta por cima' no esporte - St. Louis Blues

Melhor momento - Rob Gronkowski, Lindsey Vonn e Dwyane Wade

Melhor técnico - Jim Calhoun (NCAAB)

Melhor atleta mulher - Alex Morgan

Melhor jogadora da NWSL - Sam Kerr

Melhor jogadora de futebol internacional - Sam Kerr

Melhor equipe - seleção feminina norte-americana

Melhor jogo - Los Angeles Rams 54x51 Kansas City Chiefs

Melhor piloto - Kyle Busch

Prêmio 'Arthur Ashe' - Bill Russell