<
>

Gramado ruim força Conmebol a não liberar treino na Arena do Grêmio

play
Copa América, fase de grupos: balanço tem gramado inadmissível, segurança aprovada, público baixo e problemas para imprensa (2:22)

Repórteres da ESPN em todas as cinco sedes contam o que deu certo e o que deu errado no torneio (2:22)

O protocolo da Conmebol prevê que todas as seleções devem fazer o treino de véspera de seus jogos no estádio da partida durante a Copa América. Nessa quarta, porém, nem Brasil nem Paraguai poderão fazer o tradicional reconhecimento da Arena do Grêmio.

Tudo porque o gramado está em uma condição tão ruim que o Comitê Organizador Local (COL) preferiu ‘ganhar’ mais um dia de preparação e evitar o desgaste do piso.

A seleção brasileira mais uma vez utilizará o CT gremista, que fica ao lado do palco do confronto válido pelas quartas de final do torneio continental.

Ainda assim, Tite acompanha de perto a evolução da manutenção do gramado. O técnico voltou ao local nessa terça, depois de inspecionar o campo na segunda-feira.

O gramado da Arena do Grêmio já foi muito criticado por argentinos e uruguaios nessa edição da Copa América.

No último sábado, Tite e seus comandados atribuíram ao gramado da Arena Corinthians o fato da equipe, enfim, ter tido um desempenho vistoso e com direito a goleada em cima do Peru.