<
>

Copa América: A emoção de conhecer Lionel Messi

play
James 'primoroso' e Zapata mortal; os gols de Argentina 0 x 2 Colômbia na voz de Fernando Nardini (1:41)

Com duas boas chances no segundo tempo, a equipe de Carlos Queiroz não perdoou (1:41)

Ela parou na frente da cerca e esperou muito tempo com uma amiga. Shorts jeans, bandeira da Argentina na cintura e camiseta branca com a imagem de um leão. Ela estava lá para esperar Lionel Messi.

Fernanda é brasileira, nascida em Salvador. Fã de Messi, a jovem de 21 anos vê o camisa 10 da Argentina como uma inspiração, um exemplo de superação.

Assim que a delegação retornou do treinamento no Barradão, neste domingo, os jogadores começaram a caminhar em direção ao elevador. Fernanda tinha apenas um objetivo: Lionel Messi.

Ela chamou a atenção do ídolo com um grito, e o craque do Barcelona aceitou tirar uma foto. A partir daí, a brasileira não conseguiu segurar a emoção. Saiu correndo rumo a uma poltrona para ver a imagem e começou a chorar de forma inconsolável, com um sorriso de orelha a orelha e as mãos tremendo.

A menina pediu um minuto para se recuperar e, em bom espanhol, explicou o motivo da felicidade: "O Leo (Messi) é um exemplo para mim. Eu sofri problemas de saúde e com a minha família. Eu sempre assisto ele, é um líder. Desde pequeno teve problemas e soube superar todos. Hoje, ele tem uma grande família, uma carreira no futebol e toda a sua vida é perfeita".

"Ele sofreu críticas, inclusive dos argentinos não gostam dele. Mas, para mim, é o melhor do mundo", acrescenta a defensora número 1 do astro do Barça.

Este domingo, dia 16 de junho de 2019, ficará marcado para sempre na vida de Fernanda. A emoção é eterna.

*Clique aqui para ler o texto original, escrito por Nicolás Baier.