<
>

Danilo esbanja sinceridade e revela fator fundamental que tirou peso de Neymar na seleção: 'Ajuda muito'

play
Emerson Royal relembra expulsão pela seleção brasileira e analisa: 'Essas fatalidades acontecem' (2:48)

Emerson Royal e Talles Magno foram os convidados da semana do Resenha (2:48)

Lateral-direito da equipe de Tite foi o convidado do programa "Bem, Amigos!" da última segunda-feira (27)


Um dos nomes mais experientes da seleção brasileira, Danilo foi o convidado do programa "Bem, Amigos!", do SporTV, da última segunda-feira (27). E um dos temas abordados pelo lateral-direito foi o 'peso' tirado das costas de Neymar na equipe de Tite.

Para o jogador da Juventus, a chegada de nomes como Raphinha, Vinicius Jr. e Antony, que têm por característica o drible e as jogadas individuais, dividem a responsabilidade com o camisa 10 e ajudam a consolidar o atual sistema do Brasil.

"Sempre fomos consolidados, mas tínhamos poucas variações espontâneas. Hoje, a gente tem um sistema, mas bota no pé do Raphinha, vai driblar dois, três. O Antony, o Vinícius vão fazer a mesma coisa. Para o Neymar, ajuda muito. Divide a responsabilidade. Toda vez que olho para o lateral e que tem enfrentar o Raphinha e o Antony, digo 'boa sorte'", disse Danilo.

Para o lateral-direito, a derrota da seleção brasileira para a Argentina na final da Copa América em 2021 foi o ponto-chave para a mudança de postura da equipe de Tite.

"A derrota para a Argentina foi um ponto de partida para a gente se desprender um pouco. Mas chegou a molecada. É muito bonito de ver jogarem assim. O Vini, no Real Madrid. Todos em grandes clubes. E escutam, querem aprender, estão envolvidos", completou.