O vice-presidente do São Paulo, João Paulo de Jesus Lopes, defendeu o clube das acusações feitas pelos argentinos, na confusão que determinou o fim da partida final da Copa Sul-Americana. O dirigente negou todas as verões apresentadas pelos adversários e revelou uma tentativa de invasão do vestiário são paulino, defendido pelos seguranças. Jesus Lopes afirmou que o São Paulo representará contra o Tigres na justiça.

Comentários

'Tentaram invadir o nosso vestiário no intervalo', defende João Paulo de Jesus Lopes

COMENTÁRIOS

Use a Conta do Facebook para adicionar um comentário no Facebook Termos de usoe Politica de Privacidade. Seu nome no Facebook, foto e outras informações que você tornou públicas no Facebook aparecerão em seu cometário e poderão ser usadas em uma das plataformas da ESPN. Saiba Mais.