Renato Senise

Renato Senise

Entrevista com Pochettino: a carreira como jogador, os planos no Tottenham e a dificuldade de ser técnico na Inglaterra


Como um treinador que ainda não conquistou um titulo sequer pode ter tanta moral? Como um técnico pode, a todo momento, ser especulado em um gigante como o Real Madrid, sem ter sido campeão de nada?

Mauricio Pochettino ainda era jogador há 10 anos. No vídeo acima, ele conta como iniciou a carreira, e podemos ver imagens dele comemorando um título no Espanyol ao lado de Zabaleta, que ainda joga em alto nível, hoje no West Ham. Fala também de como resolveu ser treinador (decisão tomada quando foi jogar no PSG) e como aproveitou os últimos anos de carreira para aprender como funciona um clube de futebol. 

Pochettino virou técnico em 2009, apenas oito anos atrás. Começou no Espanyol, time em que teve duas vitoriosas passagens como jogador. Depois de três temporadas, foi para a Inglaterra treinar o Southampton. Sucesso imediato, e um ano depois, assumia o Tottenham.

O último título dos Spurs foi a Copa da Liga em 2008. O clube não vence o Campeonato Inglês desde 1961. Nas últimas décadas, esteve muito abaixo de Manchester United, Liverpool, Chelsea, Arsenal e, mais recentemente, do Manchester City. Pouca gente esperava que os Spurs encontrassem forças para voltar a lutar contra os gigantes ingleses.

É preciso lembrar de tudo isso para entender porque Pochettino é idolatrado pela torcida e tão respeitado no mundo do futebol. Quando ele chegou no Tottenham, ninguém sabia quem era Harry Kane, Dele Alli e Eric Dier. Eriksen ainda era uma figura apagada no clube, Alderweireld lutava para ganhar um espaço no Atletico de Madrid e Son começava a virar realidade no Bayer Leverkusen. O “mágico”, como o treinador argentino é chamado pela torcida, juntou essa turma toda e, depois de muito tempo, os fãs têm orgulho do time que os representa. 

Os títulos ainda não vieram, mas todos veem um trabalho consistente. Todos veem um sistema de jogo muito bem definido e executado, uma filosofia de sempre dar chances a novos jogadores (Kieran Trippier, Ben Davies e Harry Winks são provas disso) e um relacionamento muito bom com todos no clube, da estrela Harry Kane ao roupeiro.

No vídeo, Pochettino fala das dificuldades de lutar de igual pra igual na Premier League, de como essa temporada está sendo difícil sem o White Hart Lane, e que não basta ter jogadores talentosos, mas é preciso instalar uma mentalidade vencedora no clube. E isso, ele já está fazendo. 

Pochettino tem apenas 45 anos. Ele mesmo diz que ainda há muito o que aprender como treinador. A evolução será natural, assim como os títulos. No Tottenham, ou em qualquer outro clube.