MEMÓRIA: Arbitragem polêmica marcou a decisão do Brasileiro de 1995; relembre

ESPN.com.br
Neste domingo, Santos e Botafogo duelam pela 25ª rodada do Campeonato Brasileiro de 2009 na Vila Belmiro e o fã de esporte poderá acompanhar o jogo pelo Tempo Real do ESPN.com.br, a partir das 18h30.

As duas equipes já fizeram vários confrontos memoráveis na história do futebol quando o time carioca tinha Nilton Santos, Garrincha e Zagallo e o Alvinegro Praiano contava com craques como Zito e Coutinho, além do 'Rei do Futebol', Pelé.

Mas para aquecer o clássico deste fim de semana, o comentarista dos canais ESPN Paulo Vinicius Coelho foi buscar nos arquivos da emissora um dos jogos mais marcantes entre as duas equipes: o segundo jogo da decisão do Campeonato Brasileiro de 1995, no Pacaembu.

CLIQUE NO PLAYER DE VÍDEO ACIMA E RELEMBRE A FINAL DO CAMPEONATO BRASILEIRO DE 1995 ENTRE SANTOS E BOTAFOGO, NO PACAEMBU.

Botafogo e Santos chegaram à final da competição nacional daquele ano com vantagem santista. A melhor campanha nas fases anteriores permitia ao Alvinegro Praiano empatar os dois jogos, ou vencer uma e perder a outra pela mesma diferença de gols. Os botafoguenses tinham no elenco jogadores como o goleiro Wagner, que operava milagres jogo após jogo, Donizete 'o Pantera', Sérgio Manoel e Túlio. Enquanto os santistas contavam com Camanducaia, Jamelli, Narciso, além de Giovanni em ótima fase. 

Porém no primeiro jogo, no Maracanã, o clube carioca venceu por 2 a 1, com gols de Wílson Gottardo e Túlio. Giovanni descontou para os santistas. No Pacaembu, o duelo foi marcado pela arbitragem de Márcio Rezende de Freitas, em uma das decisões mais polêmicas da história do Campeonato Brasileiro. Com o empate em 1 a 1, o Bota sagrou-se campeão brasileiro de 1995.

Confira a ficha técnica:
Final do Campeonato Brasileiro de 1995
Data:
17/12/1995
Estádio: Pacaembu
Público: 28.488 pagantes
Árbrito: Márcio Rezende de Freitas 

Santos
Edinho, Marquinhos Capixaba, Narciso, Ronaldo Marconato, Marcos Adriano, Carlinhos, Marcelo Passos (1), Robert (Macedo), Giovanni, Camanducaia e  Jamelli.
Técnico: Cabralzinho

Botafogo
Wagner, Wilson Goiano, Gonçalves, Wílson Gottardo, André Silva (Moisés), Leandro Ávila, Beto, Jamir, Sérgio Manoel, Donizete, Túlio (1).
Técnico: Paulo Autuori
Comentários

MEMÓRIA: Arbitragem polêmica marcou a decisão do Brasileiro de 1995; relembre

COMENTÁRIOS

Use a Conta do Facebook para adicionar um comentário no Facebook Termos de usoe Politica de Privacidade. Seu nome no Facebook, foto e outras informações que você tornou públicas no Facebook aparecerão em seu cometário e poderão ser usadas em uma das plataformas da ESPN. Saiba Mais.