Milhões, negócios fechados e muitas especulações: veja a posição em que o mercado da bola ferve

ESPN.com.br
Fotos: Gazeta Press/Montagem: ESPN
Laterais-esquerdos dominam o atual mercado da bola brasileiro
Laterais-esquerdos dominam o atual mercado da bola brasileiro

Fim de temporada, os jogadores entraram de férias, mas os clubes, não e, como de costume, o mercado da bola começa a ferver. Atacantes? Meias? Goleiros? Não, a posição mais procurada atualmente é a de lateral-esquerdo.

Recentemente, o Corinthians perdeu o seu, justamente um dos maiores destaques do time no título do Campeonato Brasileiro de 2017: Guilherme Arana. O jovem de 20 anos jogou 32 dos 38 jogos do certame nacional, marcou dois gols, deus três assistências e acabou chamando a atenção do futebol europeu.

No início de dezembro, o clube do Parque São Jorge anunciou sua venda para o Sevilla, da Espanha. Segundo o site Transfermarkt, o valor chega a 11 milhões de euros (R$ 42,6 milhões pelas cotações atuais). Agora, o "Timão" busca incessantemente por um substituto.

Três nomes que surgiram como opção são os de Reinaldo, Junior Tavares e Zeca.

O primeiro fez grande campeonato pela Chapecoense e, inclusive, chegou a figurar entre os melhores laterais-esquerdos do torneio no prêmio ESPN Bola de Prata SportingBet. Tamanha boa temporada faz com que o São Paulo, time que o emprestou à Chape no começo do ano, pensasse em sua volta para 2018. 

Já o segundo foi titular durante boa parte da curta passagem de Rogério Ceni no "Tricolor" paulista, mas foi perdendo espaço por conta de suas atitudes extra-campo. Especulado no Corinthians, suas negociações esfriaram por conta de uma postagem da mãe de Júnior, em que demonstrava extremo ódio ao clube alvinegro.

Nicola: Corinthians pensa em Reinaldo para substituir Arana, mas São Paulo quer o lateral para 2018

Já o terceiro vive fase conturbada e está em litígio com o Santos, clube que o revelou para o futebol. Ele entrou na Justiça contra o time da Vila Belmiro alegando falta de pagamentos de direitos de imagem, além de falta de segurança no trabalho. Depois de um empate em 1 a 1 com o Sport, pelo Brasileirão, Zeca foi confrontado por torcedores no aeroporto e ainda viu seu nome sendo pichado nos arredores do estádio.

Presidente eleito para o próximo triênio na equipe do litoral, José Carlos Peres avisou que quer "entender a questão" do jogador para, quem sabe, contar com ele no ano que vem. 

"Espero que o jogador reveja a questão de se afastar do Santos. Ele é um patrimônio do clube. Sabemos a questão jurídica, o pedido pelos direitos econômicos na Justiça. Até o meio da semana poderemos falar alguma coisa de Zeca e outros jogadores", comentou, em entrevista exclusiva ao Bate-Bola Bom Dia.

Presidente do Santos quer rever situação de Zeca, mas espera definição de diretor de futebol

O time santista, inclusive, já se preservou de uma possível confirmação da saída do "Menino da Vila" e assinou pré-contrato com Romário, de 25 anos, que foi um dos destaques da campanha de acesso à Série A do Ceará em 2017. Ele foi o principal assistente da equipe nordestina na segundona nacional.

Ator principal dos últimos mercados da bola, o Palmeiras segue rico e ativo. Não à toa reforçou sua lateral esquerda, uma das posições mais carentes do clube em 2017, indiscutivelmente com um dos melhores na posição na temporada. Trata-se de Diogo Barbosa, que brilhou pelo Cruzeiro. Ele chegará ao clube palestrino para substituir um jogador que justamente irá para a "Raposa": Egídio.

Prêmio ESPN Bola de Prata Sportingbet: Carleto, do Coritiba, é eleito o melhor lateral esquerdo do Brasileiro 2017

Considerado o melhor lateral-esquerdo dos Campeonatos Brasileiros de 2013 e 2014 no próprio Cruzeiro, ele não foi bem com a camisa alviverde e era sempre um dos mais xingados pelos palmeirenses. Para piorar, Egídio ainda ficou marcado por ser um dos responsáveis diretos pela eliminação do time na Libertadores da América, ao perder o pênalti decisivo na disputa contra o Barcelona-EQU, em pleno Allianz Parque.

Outro lateral-esquerdo que tem seu futuro definido é Thiago Carleto. Considerado o melhor da função e ganhador da Bola de Prata em 2017, ele acabou rebaixado com o Coritiba para a Série B, mas, mesmo assim, se credenciou a ser disputado por diversos clubes da primeira divisão. Seu destino será o grande rival coxa-branca, o Atlético-PR.

Confira o recado que Diogo Barbosa gravou para a torcida do Palmeiras: 'Vamos estar juntos!'

Se alguns já sabem para onde vão, o mesmo não se pode dizer de Victor Luis. Destaque do Botafogo na temporada - que terminou sem classificação à Libertadores, mas uma boa chegada às quartas de final do mesmo torneio -, ele estava emprestado pelo Palmeiras e não tem ideia ainda se retorna ou não para o Allianz Parque. A contratação de Barbosa, inclusive, tiraria espaço do jovem revelado nas categorias de base palmeirenses.

Por fim, ainda no Rio de Janeiro, o Flamengo, finalista da Copa Sul-Americana, deverá mesmo ir ao mercado para reforçar sua ala canhota. Isso porque o peruano Miguel Trauco, que chegou com pompa à Gávea, não agradou. Ele, inclusive, levou um verdadeiro baile na partida de ida da decisão continental diante do rápido ataque do Independiente. Em compensação, fez o cruzamento para o gol de Réver, que abriu o marcador na derrota por 2 a 1.