CBLoL: CEO da Red detalha expansão para outras modalidades e confirma conversa de brTT com Fla

ESPN.com.br

Marcelo d. Sants/ESPN
Corradini (direita) deu entrevista ao lado de Vinícius Manfredi de Azevedo, diretor de marketing do Timão
Corradini (direita) deu entrevista ao lado de Vinícius Manfredi de Azevedo, diretor de marketing do Timão

Atualmente competindo no League of Legends, Heroes of the Storm e Vainglory, a Red Canids planeja expandir a marca para outras modalidades dos esportes eletrônicos em 2018.

O diretor-executivo da organização, Felippe Corradini, revelou que, na próxima temporada, a Matilha contará também com equipes de Counter-Strike: Global Offensive, Tom Clancy’s Rainbow Six Siege e Clash Royale. O anúncio foi feito nesta quinta-feira (30), na apresentação da parceria firmada com o Corinthians.

Tanto a direção da Red quanto a cúpula do Corinthians planejam realizar eventos para aproximar as torcidas dos dois clubes e dar fim ao preconceito por parte dos fãs de esportes tradicionais ainda possui sobre o esport. “Vão ser feitas ações, devagar, para que a gente possa, realmente, trazer esses dois mundos para perto”, afirmou Corradini. ,

O CEO completou dizendo que tudo “vai ser feito de forma muito sutil” e que “nunca vamos [Red] invadir o espaço do Corinthians”, assim como a agremiação “não vai invadir o nosso espaço”.

Na coletiva realizada no centro de treinamento do clube paulista, o executivo confirmou também que o atirador Felipe “brTT” Gonçalves está negociando com o Flamengo eSports. A possível ida do jogador para o clube carioca foi noticiada pelo ESPN Esports Brasil, em outubro, junto com a intenção do rubro-negro contar também com o suporte francês Hugo "Dioud" Padioleau - outro jogador da Red -  e o topo Leonardo "Robo" Souza, que recentemente deixou a matilha.

“Ele está falando com o time [Flamengo], sim”, afirmou Corradini, que rechaçou uma possível “mágoa” da Red com o jogador caso ele realmente saia da organização: “Para onde o brTT for, sempre vai existir uma amizade entre Red e o jogador. Nós acolhemos ele, da mesma forma que ele trouxe o que trouxe para nós. A relação é muito boa e aberta”.

O diretor-executivo não deu muitos detalhes sobre qual será a formação da Red Corinthians para a primeira etapa do CBLoL 2018. Enigmático, Corradini afirmou que "temos até o dia 11 para entregarmos toda a documentação para a Riot Games".

“Não vai ser diferente de qualquer outro ano. Vai ser sempre sofrido”. Assim definiu o CEO quando foi questionado sobre a expectativa da organização para com o próximo CBLoL. “Tudo vai ser difícil, nunca nada foi fácil.Então, é para lutarmos até o último momento. Vai ser assim sempre”.

Corradini finalizou a coletiva de imprensa afirmando que todos os detalhes sobre como ficará a estrutura da organização com essa parceria, a formação dos elencos para as outras modalidades vão ser revelados no decorrer das semanas e no início do próximo ano.