Maleta suíça em couro, pino de boliche e maquete do Bernabéu: com pechinchas, leilão vende lembranças de Havelange

ESPN.com.br
Maleta de couro de búfalo dada a João Havelange por ex-ministro sul-africano do Esporte
Maleta de couro de búfalo dada a João Havelange por ex-ministro sul-africano do Esporte Reprodução

O escritório de quase 400 metros quadrados que João Havelange (1916-2016), mais controverso cartola do esporte brasileiro, manteve na Avenida Rio Branco, no centro do Rio de Janeiro, vai render peças que integrarão um leilão nesta semana.

Os mais de 250 lotes com centenas de relicários angariados pelo ex-presidente da CBD (antiga Confederação Brasileira de Desportos) e da Fifa (1974-1998) ao longo de sua centenária vida farão parte do VII Grande Leilão de Roberto Haddad.

Pino de boliche está em leilão de Havelange
Pino de boliche está em leilão de Havelange Reprodução

"Os apreciadores do colecionismo vão ter um banquete, neste final de novembro e início de dezembro, quando serão postos à venda no VII Grande Leilão de Haddad’s Leiloeiros o acervo que se encontrava nos escritórios de João Havelange no centro do Rio. Presidente da FIFA por muitos anos, (o mais influente cartola esportivo de todos os tempos), Havelange guardava carinhosamente documentos, premiações, medalhas, camisas de seleções, etc. que estarão expostos e vendidos pela melhor oferta junto com outras raridades como pinturas de Cícero Dias, Di Cavalcanti, Teruz, Mabe e outros de iguais importâncias", descreve a página do leiloeiro.


"A família decidiu colocar as peças com preços convidativos para atrair o maior número de pessoas. Parte da verba arrecadada será doada para uma instituição de caridade", disse o leiloeiro ao jornal O Globo. Ele também afirmou ao Estadão que os preços estão abaixo do valor de mercado, verdadeiras "pechinchas".

“As coisas estão muito aquém do valor de mercado, muito abaixo. Tem coisas que a gente tem certeza que vai dar R$ 3 mil, R$ 4 mil, mas está sendo oferecido por R$ 300. São preços bastante convidativos", afirmou Haddad.

Morre João Havelange, ex-atleta olímpico, presidente da FIFA e da CBD

As peças já estão em exposição no atelier de Roberto Haddad - na Rua Pompeu Loureiro, 27-A, Copacabana - e mostram a influência de Havelange no esporte.

Miniatura do Santiago Bernabéu é outro relicário do ex-presidente da Fifa
Miniatura do Santiago Bernabéu é outro relicário do ex-presidente da Fifa Reprodução

Dirigente que revolucionou o futebol mundial - seja por tornar a Fifa uma máquina de fazer dinheiro ou por participar de grandes negociatas envolvendo recebimento de propinas -, João Havelange ganhou presentes dos mais diversos.

No leilão, há desde camisas de times, placas e peças de mármore em sua homenagem até objetos menos convencionais, como um pino de boliche e uma maleta suíça feita em couro de búfalo dada pelo ex-ministro sul-africano do Esporte Ngconde Balfour.

Unzelte: 'João Havelange é o pai do tão detestado futebol moderno. Para o bem e para o mal'

No acervo de Havelange pode se encontrar também uma maquete do Santiago Bernabéu, estádio do Real Madrid, dado pelo ex-presidente Lorenzo Sanz em 1996.

Há quem se interessar, é possível fazer lances na internet diretamente no site de Roberto Haddad. O leilão, tanto presencial quanto online, acontecerá de terça a sexta-feira e também na outra segunda a partir das 19h (de Brasília).

Comentários

Maleta suíça em couro, pino de boliche e maquete do Bernabéu: com pechinchas, leilão vende lembranças de Havelange

COMENTÁRIOS

Use a Conta do Facebook para adicionar um comentário no Facebook Termos de usoe Politica de Privacidade. Seu nome no Facebook, foto e outras informações que você tornou públicas no Facebook aparecerão em seu cometário e poderão ser usadas em uma das plataformas da ESPN. Saiba Mais.