Flamengo eSports anuncia Mit, ex-tecnico da paiN, para sua comissão técnica

Rodrigo Guerra/ESPN Esports

O Flamengo eSports anunciou na tarde desta terça-feira (21) que Gabriel "Mit" Souza, ex-técnico da paiN, será o responsável "pela montagem e treinamento" da sua escalação de League of Legends.

No comunicado, o clube lembra que o técnico está no competitivo desde 2011 e afirma que ele "é o primeiro reforço de muitos que estão por vir, e vai ser muito importante para que a gente chegue ao CBLoL e levante muitos troféus no LoLzinho!".

Mit foi técnico da paiN entre janeiro de 2015 e meados de 2017, comandando a equipe na campanha vitoriosa no CBLoL de 2015 - quando o time derrotou a INTZ na grande final realizada no Allianz Parque, em São Paulo - e participando do Campeonato Mundial daquele ano, conquistando duas vitórias e quatro derrotas na Fase de Grupos.

Na primeira etapa do CBLoL 2016, a paiN viveu a pior fase de sua história, amargando a 6ª colocação do CBLoL e correndo risco de ser rebaixada na Série de Promoção. Na etapa seguinte, MiT colocou o astro Felipe "brTT" Gonçalves na reserva com a justificativa de que "algumas atitudes e ações" do atirador não eram correspondentes à "ideia de treinar e se dedicar um pouco mais". Até hoje, brTT se ressente do caso e diz que esse foi seu pior ano de sua carreira em 2016.

Neste ano, a paiN chegou às semis da primeira etapa, porém caiu ao enfrentar a Red Canids, que havia contratado brTT como seu atirador.  Após a saída de Mit, a paiN decidiu usar o reserva Cesar "Juc" Barbosa e o dono da organização Arthur "Paada" Zarzur como os chefes da comissão técnica e chegou à grande final da Segunda Etapa do CBLoL, mas perdeu para a Team One.

Ainda é esperado que o Flamengo eSports anuncie sua equipe para participar do Circuito Desafiante. Pela apuração do ESPN Esports, os possíveis nomes para a lista são Leonardo "Robo" Souza (Topo), Thúlio "SirT" Carlos (Caçador), Danniel "Evrot" Franco (Meio), Felipe "brTT" Gonçalves (Atirador) e Eidi "esA" Yanagimachi (Suporte). 

Segundo apurado pela equipe do ESPN Esports em outubro desse ano, foi feita uma denúncia sobre aliciamento de jogadores do CBLoL pelo clube carioca na qual Mit era um dos responsáveis por procurar jogadores para ingressarem no Flamengo eSports. Porém, até aquele momento, não existia ligação do treinador com a equipe. 

O clube, na ocasião, respondeu que "qualquer pessoa que eventualmente venha a agir em nome do Flamengo dessa forma estará cometendo um ato não autorizado e fora das regras dos esportes eletrônicos".

Comentários

Flamengo eSports anuncia Mit, ex-tecnico da paiN, para sua comissão técnica

COMENTÁRIOS

Use a Conta do Facebook para adicionar um comentário no Facebook Termos de usoe Politica de Privacidade. Seu nome no Facebook, foto e outras informações que você tornou públicas no Facebook aparecerão em seu cometário e poderão ser usadas em uma das plataformas da ESPN. Saiba Mais.