São-paulinos desejam sorte a Cueva em repescagem pelo Peru

Gazeta Press

Jogadores do São Paulo desejam boa sorte a Cueva, que se junta à seleção peruana

Após atuar na vitória do São Paulo por 2 a 1 sobre o Atlético-GO, no último sábado, no Estádio Serra Dourada, o meia Christian Cueva partiu para o Peru, que disputará contra a Nova Zelândia a repescagem por uma vaga na Copa do Mundo de 2018. Já reunido com a delegação de seu país, o camisa 10 tricolor conta com a torcida de seus companheiros de clube para alcançar o sonho de disputar o Mundial na Rússia.

Os colegas são-paulinos desejaram sorte a Cueva, que tentará levar o Peru à sua primeira Copa em 36 anos – a sua última participação ocorreu na edição de 1982, na Espanha. O zagueiro Diego Lugano, acostumado a tal situação, falou sobre as dificuldades de se disputar uma repescagem valendo vaga para o principal torneio de futebol.

“Disputei três eliminatórias, e nas três o Uruguai foi para a repescagem. Conseguimos a classificação para a Copa em duas delas. Os jogos são intensos e com desgaste emocional, porque representar a nação no mundial, principalmente em países menores como os nossos, é diferente. Brasil e Argentina já estão mais acostumados, mas para países menores representa muito”, rememorou, antes de completar.

Hernanes dá aula de semântica ao elenco, passa lição de moral e Cueva se derrete pelo profeta


“É importante para a sociedade, para a criançada e até para a economia do país. Será uma decisão de nervosismo e atenção, e tomara que ele tenha êxito. Tenho certeza de que ir para a Copa do Mundo com a seleção encherá a vida dele de coisas boas. Estamos na torcida pelo Cueva, e que ele consiga realizar este sonho tão especial”, ressaltou.

Além do veterano uruguaio, o atacante Marcos Guilherme também deixou a sua palavra de apoio ao companheiro de ataque. “Desejamos sorte ao Cueva, e estamos na torcida por ele. Disputar a Copa do Mundo é o sonho de qualquer atleta, e que ele tenha sucesso nesta caminhada. Todo o grupo está na torcida pelo Cueva”, afirmou o camisa 23.

Pratto cometeu pênalti? Arbitragem acertou? Sálvio analisa lance de Atlético-GO x São Paulo


Buscando a sua quinta participação na Copa do Mundo, o Peru tirará Cueva do São Paulo por pelo menos três partidas: Chapecoense (dia 9, no Pacaembu), Vasco (dia 12, no Rio de Janeiro) e Grêmio (dia 15, em Porto Alegre). Os confrontos com os neozelandeses estão marcados para 11 e 15 de novembro, na Oceania e na América do Sul, respectivamente. O técnico Dorival Júnior terá dois treinos para decidir o substituto do camisa 10 até o jogo contra os catarinenses, portanto.

“Claro que ele fará falta para a nossa equipe, pelo grande jogador que é, mas sem dúvida é um momento importante na carreira dele. Que ele tenha sucesso neste desafio, porque disputar uma Copa do Mundo deve ser marcante para qualquer jogador. Após o jogo nos despedimos e desejamos sorte ao Cueva”, encerrou o lateral esquerdo Edimar.

Marcos Guilherme quer vitória sobre a Chape para acabar de vez com a chance de queda


Em 42 jogos disputados, Cueva é o líder de assistências do time na temporada, com 11 passes decisivos. O peruano ainda é o terceiro artilheiro, com dez gols, atrás somente de Lucas Pratto (14) e Gilberto (12). Ele deixa provisoriamente os companheiros com o São Paulo no nono lugar, com 43 pontos, oito acima da zona de rebaixamento e quatro abaixo do G7.

Comentários

São-paulinos desejam sorte a Cueva em repescagem pelo Peru

COMENTÁRIOS

Use a Conta do Facebook para adicionar um comentário no Facebook Termos de usoe Politica de Privacidade. Seu nome no Facebook, foto e outras informações que você tornou públicas no Facebook aparecerão em seu cometário e poderão ser usadas em uma das plataformas da ESPN. Saiba Mais.