Com dois de Borja, Palmeiras busca empate contra o Cruzeiro e diminui distância para o Corinthians

ESPN.com.br
Assista aos gols de Palmeiras 2 x 2 Cruzeiro


O Palmeiras ficou duas vezes atrás do placar ao enfrentar o Cruzeiro, na noite desta segunda-feira, mas conseguiu empatar por 2 a 2 graças ao atacante Borja. Ele foi o autor dos tentos alviverdes no Allianz Parque, em um jogo que poderia diminuir a diferença do time para o líder do Campeonato Brasileiro.


Com o empate, o Palmeiras está a  cinco pontos do Corinthians: 59 a 54. Faltam sete rodadas para o encerramento do torneio e os dois rivais se enfrentam no próximo domingo, na Arena Corinthians, um jogo importante para as pretensões alviverdes de buscar o bicampeonato.

Uma vitória nesta segunda-feira teria feito a diferença diminuir para três pontos.

Mas a noite poderia até ter sido pior para os paulistas. O Cruzeiro soube jogar no Allianz Parque. Criou poucas chances de gol, buscando se defender mais. Mesmo assim ficou duas vezes em vantagem no placar. Primeiro graças a um gol contra do zagueiro Juninho e depois com um belo tento do meia Robinho, que encobriu o goleiro Fernando Prass.

O empate deixou o Cruzeiro com 48 pontos, na quinta colocação. O time já está classificado para a Libertadores de 2018 por ter vencido a Copa do Brasil.

  • Banho de água fria

Apesar de todo o clima favorável no estádio, o Palmeiras foi surpreendido e sofreu um gol logo aos 6 minutos. Foi um verdadeiro banho de água fria.

Foi o primeiro lance de ataque celeste. Diogo Barbosa escapou com velocidade pelo lado esquerdo do campo e fez o cruzamento para a área. O zagueiro Juninho tentou cortar, mas foi infeliz e acabou desviando a bola contra a própria rede.

Valentim aponta erros do Palmeiras, mas aprova partida e explica pedido de Mina para não jogar

  • Pressão alviverde

O Palmeiras não se abateu. A torcida também. O apoio das arquibancadas ajudou a empurrar o time, que sufocou o Cruzeiro.

É verdade que as principais ações ofensivas foram muitas vezes repetidas: na esquerda, Egídio procurava espaço para cruzar na área para Borja.

Apesar de manjada, a jogada não foi bloqueada pela defesa cruzeirense. Foram inúmeras tentativas. Algumas vezes Borja era antecipado pela defesa, outras o colombiano passava pela bola e havia ocasiões em que ele acertava a cabeçada, mas errava o alvo, mandando a bola por cima do gol.

Isso até os 34 minutos. Foi quando Egídio recebeu a bola de Moisés. O lateral esquerdo acertou o cruzamento para área. Dudu ficou com a bola e finalizou de calcanhar. O goleiro Fábio deixou o gol e conseguiu defender, mas, no rebote, Borja deixou tudo igual no Allianz Parque.

Prass elogia equipe do Cruzeiro, vê 'boa partida' do Palmeiras e exalta partida de Borja

  • Virada... mas não valeu!

A torcida tentou manter o time vivo e passou a cantar o tradicional: "O Palmeiras é o time da virada...".

E a virada poderia ter ocorrido. Aos 39, Borja marcou o segundo dele no jogo. Mas o tento foi anulado. O motivo? Ao saltar para desviar de cabeça uma bola cruzada após cobrança de escanteio, o atacante fez uma carga no zagueiro Manoel e derrubou o defensor celeste. Falta.

Mauro destaca números e gols de centroavante de Borja: 'Não é o Gabriel Jesus, mas é definidor'

  • Outro banho de água fria

Não é certo dizer que o ritmo no início do segundo tempo foi igual aos primeiros 45 minutos. O Cruzeiro até repetiu sua estratégia, entregando a bola ao Palmeiras e buscando os contra-ataques. Mas o time alviverde não foi tão preciso na organização das jogadas.

Vez ou outra ameaçou com algum cruzamento de Egídio, a principal alternativa ofensiva. Mas a cada erro do lateral ou de Borja era possível ouvir vaias no Allianz Parque. Muitos torcedores demonstraram impaciência com a dupla...

E o Cruzeiro enganou quem pensou que o time ficaria satisfeito com o empate. Aos 18 minutos, Juninho perdeu a bola no meio de campo e o Cruzeiro organizou um rápido contra-ataque. A bola foi lançada para Robinho, que avançou e, ao finalizar, encobriu Fernando Prass.

Para Robinho foi um momento especial. Ele não jogava há um mês, desde a final da Copa do Brasil. E foi no Allianz Parque que ele fez os gols mais bonitos da carreira. Com a camisa do Palmeiras, encobriu duas vezes Rogério Ceni em confrontos com o São Paulo.

Mano vê jogo 'lá e cá', mas pede mais atenção no Cruzeiro: 'Poderíamos ter jogado melhor'

  • Palmeiras martela

Novamente o Palmeiras não desistiu. O time repetiu o roteiro do primeiro tempo: sufocou o Cruzeiro.

De tanto insistir, o Palmeiras empatou aos 40 minutos. Dudu cruzou da direita e Borja, com estilo, empatou o jogo para a equipe alviverde.

O time da casa não conseguiu a virada nos instantes finais, mas ouviu aplausos ao término do duelo.

Dudu se diz 'um pouco triste' com empate em casa: 'A gente queria a vitória'

  • Agenda

O próximo compromisso do Palmeiras será o clássico contra o Corinthians, na Arena de Itaquera, no próximo domingo, em jogo que pode ser determinante para a briga pelo título do Campeonato Brasileiro. Já o Cruzeiro enfrentará o Atlético-PR, no Mineirão, no mesmo dia.

Juca Kfouri: 'O que mais me agradou foi ver o Palmeiras jogar futebol o tempo inteiro'
  • Ficha técnica

PALMEIRAS 2 x 2 CRUZEIRO

Data: 30 de outubro de 2017, segunda-feira
Local: Allianz Parque, em São Paulo
Horário: 20 horas (de Brasília)
Árbitro: Héber Roberto Lopes 
Assistentes: Helton Nunes e Thiago Americano Labes
Público: 37.961 pagantes
Renda: R$ 2832058,34
Cartões amarelos: Lucas Romero e Robinho (CRU)
Gol: PALMEIRAS: Borja, aos 34 minutos do 1º Tempo e aos 40 minutos do 2º Tempo CRUZEIRO: Juninho (contra), aos 5 minutos do 1º Tempo, e Robinho, aos 18 minutos do 2º Tempo

PALMEIRAS: Fernando Prass; Mayke, Edu Dracena, Juninho e Egídio; Jean (Roger Guedes), Tchê Tchê e Moisés; Keno (Deyverson), Dudu e Borja. Técnico: Alberto Valentim

CRUZEIRO: Fábio; Ezequiel, Manoel, Murilo (Digão) e Diogo Barbosa; Henrique e Lucas Romero; Rafinha, Thiago Neves e Arrascaeta (Lucas Silva); Rafael Marques (Robinho). Técnico: Mano Menezes

Comentários

Com dois de Borja, Palmeiras busca empate contra o Cruzeiro e diminui distância para o Corinthians

COMENTÁRIOS

Use a Conta do Facebook para adicionar um comentário no Facebook Termos de usoe Politica de Privacidade. Seu nome no Facebook, foto e outras informações que você tornou públicas no Facebook aparecerão em seu cometário e poderão ser usadas em uma das plataformas da ESPN. Saiba Mais.