Ex-técnico da Croácia, Aleksandar Petrovic assume seleção brasileira de basquete

ESPN.com.br com agência Gazeta Press
Aleksandar Petrovic, novo técnico da seleção brasileira de basquete
Aleksandar Petrovic, novo técnico da seleção brasileira de basquete Getty

A seleção brasileira masculina de basquete anunciou o seu novo treinador nesta terça-feira. O croata Aleksandar Petrovic foi apresentado como o novo técnico do Brasil e tem como principal objetivo garantir vaga para o Mundial da China de 2019 e para os Jogos Olímpicos em Tóquio, em 2020.

A estreia do treinador de 58 anos será contra o Chile, pelas Eliminatórias, no dia 24 de novembro, em Santiago. Ao falar sobre a escolha do novo comandante, o presidente da Confederação Brasileira de Basquete (CBB) declarou que a ideia foi privilegiar um trabalho em longo prazo. 

“O importante era que tivéssemos alguém com classe, potencial e que pudesse viajar pelo nosso pais, ministrando clínicas e multiplicando o seu conhecimento. Sempre gostei muito da escola Iugoslávia e admirava muito o estilo de jogo. Tivemos também pessoas que consultamos sobre esse acordo. Tivemos muitas opções e a verba de salário está vindo do Comitê Olímpico, o que nos ajudou nessa decisão. Fiquei impressionado com a vontade que ele demostrou em vir para o Brasil. Ele aceitou esse desafio, viajar e difundir o seu conhecimento. Realmente é uma honra ter Aleksandar Petrovic participando desse projeto do basquete brasileiro”, declarou Guy Peixoto.

Uma das decisões importantes tomada por Petrovic é que somente os jogadores que participarem das eliminatórias para o Mundial irão para o torneio na China em 2019. 

Quem viu? Relembre histórias de Algodão, capitão da seleção de basquete no 1º título mundial

"Decidimos junto com o presidente. Na terceira e na quarta janelas (da classificatória), todos os jogadores vão poder jogar, os da Euroliga e os da NBA. Caso alguém não queira jogar essas partidas de verão (inverno no Brasil), esse jogador não vai entrar nos planos para a Copa do Mundo de 2019. Isso não é correto. Quem quiser jogar a classificatória vai estar na China", declarou.

Petrovic, que se dispôs fazer um trabalho de reformulação do basquete brasileiro, também já identificou alguns problemas na seleção. “Estou fazendo a radiografia e detectei algumas falhas. A defesa pode ser um pouco mais forte. Também quero falar com os jogadores antes da competição porque quero saber o que eles pensam sobre jogar um pouco diferente do que eles já vinham jogando. Nos Jogos Olímpicos tínhamos mais jogadores na posição ala-pivô e pivô e isso dificultou a movimentação em quadra”.

Comentários

Ex-técnico da Croácia, Aleksandar Petrovic assume seleção brasileira de basquete

COMENTÁRIOS

Use a Conta do Facebook para adicionar um comentário no Facebook Termos de usoe Politica de Privacidade. Seu nome no Facebook, foto e outras informações que você tornou públicas no Facebook aparecerão em seu cometário e poderão ser usadas em uma das plataformas da ESPN. Saiba Mais.