Deputado vai faltar em votação importante no Parlamento inglês. O motivo? Será bandeirinha em jogo do Barcelona

ESPN.com.br
Deputado Douglas Ross será um dos bandeirinhas de Barcelona x Olympiacos
Deputado Douglas Ross será um dos bandeirinhas de Barcelona x Olympiacos Andrew Milligan/PA Images via Getty Imag

Uma história bizarra marcará a partida entre Barcelona e Olympiacos, nesta quarta-feira, pela 3ª rodada da fase de grupos da Uefa Champions League. E ela não envolve jogadores ou técnicos de nenhum dos times, mas sim um bandeirinha.

Trata-se do escocês Douglas Gordon Ross, que é um dos principais auxiliares da Europa, trabalhando tanto em partidas do Campeonato Escocês como da Liga dos Campeões, geralmente trabalhando ao lado do árbitro Willie Collum. 

Ross, porém, tem outra profissão além da de bandeirinha: desde junho deste ano ele é deputado pela província de Moray, no norte da Escócia, e representa a região na Câmara dos Comuns, que é a câmara baixa do Parlamento inglês (como a Câmara dos Deputados no Brasil).

Esta "vida dupla" acabou por colidir exatamente nesta quarta, quando Ross, que é do Partido Conservador da Escócia, teria que estar presente em uma importante sessão na Câmara, que irá discutir e votar mudanças nas políticas de bem-estar social do Reino Unido. Contudo, como Barcelona x Olympiacos irá acontecer no mesmo horário da sessão, e o deputado estará no Camp Nou trabalhando na partida, ele irá faltar na importante votação.

A decisão de Ross de estar na Catalunha ao invés de Londres nesta quarta foi bastante criticada por políticos escoceses, como o ministro Paul Sweeney, que acusou o bandeirinha de ter "uma perversa ideia do que são suas prioridades". Já Stewart Stevenson, um dos mais importantes políticos do país britânico (foi ex-ministro dos Transportes e do Meio Ambiente) bateu ainda mais duro. 

Perto de estrear na Champions, Paulinho elogia Barcelona: 'Nosso início mostra nossa força'

"Douglas Ross, que é um funcionário em meio-período em suas duas funções, parece não aprender a lição. Novamente, ele deixará sem voz as pessoas que o elegeram como representante no Parlamento porque prefere ficar cumprimentando jogadores de futebol famosos", disparou.

"Essa não é a primeira vez que ele não aparece em um evento importante, e seus colegas de Câmara devem estar se perguntando por que ele não mostra nenhum interesse em discutir políticas públicas que estão prejudicando a vida de muitas famílias britânicas. Para mim, passou da hora de Ross deixar de lado sua lucrativa carreira como bandeirinha para focar na função para o qual foi eleito como político", completou. 

Douglas Ross é bandeirinha e deputado
Douglas Ross é bandeirinha e deputado Divulgação

O bandeira declarou à Câmara dos Comuns que ganha 2,7 mil libras (R$ 11.238) por mês em seu trabalho no futebol.

Apesar da saraivada de críticas, o auxiliar de futebol, porém, foi defendido pelo compatriota Andrew Bowie, outro membro do parlamento (este pela região de West Aberdeenshire & Kincardine).

"Creio que toda a população de Moray está muito feliz com o fato de Ross ter continuado seu trabalho como bandeirinha, além de ser o representante da região no Parlamento. Ele está fazendo um ótimo trabalho nas duas funções", ressaltou o deputado, em entrevista à BBC.

Esta, aliás, não é a primeira vez que Ross falta a um evento político para trabalhar em jogos de Champions. Em novembro de 2016, quando ainda era membro apenas do Parlamento escocês (e não do Britânico, como agora), ele se ausentou de uma importante votação para bandeirar Sporting x Real Madrid, em Lisboa.

Comentários

Deputado vai faltar em votação importante no Parlamento inglês. O motivo? Será bandeirinha em jogo do Barcelona

COMENTÁRIOS

Use a Conta do Facebook para adicionar um comentário no Facebook Termos de usoe Politica de Privacidade. Seu nome no Facebook, foto e outras informações que você tornou públicas no Facebook aparecerão em seu cometário e poderão ser usadas em uma das plataformas da ESPN. Saiba Mais.